20 de junho de 2008

Livro lista os dez discos mais vendidos no Brasil

Inventores do best-seller Almanaque Anos 80, livro de 2004 que gerou um resistente boom de lançamentos do gênero, os jornalistas Luiz André Alzer e Mariana Claudino editaram esta semana Os 10 Mais. O livro lista 250 rankings de 10 mais - montados com base em informações oficiais ou nas opiniões de gente famosa (nestes casos, a celebridade assina o seu ranking). No segmento fonográfico, a lista dos dez discos mais vendidos no Brasil em todos os tempos exemplifica o apuro do trabalho jornalístico dos autores, que esmiuçaram planilhas de vendas para poder elaborar a lista - montada com dificuldade porque, antes da numeração de discos por lotes, os dados apresentados pelas gravadoras à mídia não eram confiáveis. O ranking é liderado por padre Marcelo Rossi, mas dominado por Xuxa, intérprete de quatro dos dez títulos. Eis - pelo empenho dos autores - os dez álbuns mais vendidos no Brasil:

1. Músicas para Louvar o Senhor - Padre Marcelo Rossi - 1998
- 3.328.468 cópias
2. Xou da Xuxa 3 - Xuxa - 1988 - 3.216.000
3. Leandro & Leonardo - Leandro & Leonardo - 1990 - 3.145.814
4. Só pra Contrariar - Só pra Contrariar - 1997 - 2.984.384
5. 4º Xou da Xuxa - Xuxa - 1989 - 2.920.000
6. Xegundo Xou da Xuxa - Xuxa - 1987 - 2.754.000
7. Um Sonhador - Leandro & Leonardo - 1998 - 2.732.735
8. Xou da Xuxa - Xuxa - 1986 - 2.689.000
9. Mamonas Assassinas - Mamonas Assassinas - 1995 - 2.468.830
10. Terra Samba ao Vivo e a Cores - Terra Samba - 1998 - 2.450.411

29 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Sem comentários, ou, isso é péssimo!

20 de junho de 2008 11:44  
Anonymous Anônimo said...

Essa devia ser a lista dos 10 cds pra queimarem no inferno....

20 de junho de 2008 13:03  
Anonymous Anônimo said...

Dos 10 só se salva o do Padre! Abs,

Marcelo Barbosa - Brasília (DF)

20 de junho de 2008 14:25  
Anonymous Vagner - Lapa said...

Triste

20 de junho de 2008 15:01  
Anonymous Eduardo Mezzonato said...

Sem comentários [2].

É uma pena saber da grande influência das gravadoras perante o povo, mas graças a Deus isso vem mudando graças a internet. Que bom que podermos comprar o que quisermos sem imposição à guela abaixo. Cada ser humano é livre de escolha. Só tem porcaria nessa lista.

20 de junho de 2008 15:16  
Blogger Marcio said...

Sinceramente é difícil acreditar na credibilidade dessa lista em que Roberto Carlos, que vendia um absurdo de discos na década de 70, não aparece nem entre os 10 mais vendidos de todos os tempos no Brasil ...

20 de junho de 2008 15:41  
Anonymous Kees Schoof said...

Oi,
Felizmente esta lista só conta sobre os discos mais vendidos no Brasil , não sobre a melhor música! Confie em mim, no Brasil tem música muito boa; não deixe uma lista como isto o deprimir! :o)
Se muitas pessoas gostam de comprar estes 10 discos, nenhum problema. Eles ajudam manter os gravadores vivendo e indiretamente dar dinheiro para música boa! (eu espero...........ingenuamente)

um abraço holandês,
Kees

20 de junho de 2008 15:55  
Anonymous Anônimo said...

Tá registrado: com um gosto musical desses, o povo brasileiro merece os governantes que tem.

20 de junho de 2008 16:05  
Anonymous Anônimo said...

É, DESSA VEZ, NEM A IVETE NO MARACANÃ FEZ EFEITO, FOI OFUSCADA PELO TERRA SAMBA

GENTE, QUE LÁSTIMA ESSA LISTA, CREDIBILIDADE NENHUMA!!

O PADRE LIDERANDO, IMAGINO AS GRANDES CANTORAS QUE LEVAM ATÉ 2 ANOS PRA PRODUZIR UM DISCO E AÍ VEM O PADRE E BOTA TODAS NO CHINELO REGRAVANDO UM MONTE DE COISAS QUE JÁ EXISTEM!!!!

É, MARISAS, BETHÂNIAS, CARVALHOS E AFINS!!!
DESISTAM!!!!

20 de junho de 2008 19:45  
Anonymous Anônimo said...

Luiz André Alzer, mais uma vez, pioneirizando...

É bem certo que o novo livro deve ter sido inspirado, meio deliberadamente, no "Livro das Listas", de David Wallechinsky.

Além do que, os almanaques realmente não me agradam.

Agora, Alzer merece o meu respeito desde a ótima biografia dos Titãs, feita em parceria com Hérica Marmo.

Biografia que detonou uma onda mais do que necessária de livros que passassem a limpo o pessoal dos 80 que acabou, como disse Gil, dando uma "Blitz" na MPB. Daí, vieram livros de Paralamas, RPM, Barão. E vem o da Blitz...

Felipe dos Santos Souza

20 de junho de 2008 20:59  
Anonymous Anônimo said...

Realmente, seria cômico se não fosse trágico.
Mas, dando mais uma olhadinha na lista, dá uma vontade de rir danada. ehehehe

Jose Henrique

20 de junho de 2008 23:50  
Anonymous Anônimo said...

Concordo com a opinião do Marcio. Esta lista não tem credibilidade. Nem estes "artistas" também!

21 de junho de 2008 08:19  
Anonymous Anônimo said...

ISSO É UM PESADELO ? Não brinca assim comigo não ! Isso MATA gente !

21 de junho de 2008 20:07  
Anonymous marcosomag said...

Esta lista é altamente discutível.O controle contábil até bem pouco tempo não detalhava título por título as vendas.Então,fenômenos de vendagem como Orlando Silva, Francisco Alves, Roberto Carlos (sobretudo nos anos 70),Secos e Molhados, Ângela Maria,dentre outros ficaram de fora da lista.Certamente discos como os de Roberto Carlos (entre 71 e 74),RPM (Rádio Pirata - ao vivo),Secos e Molhados (o primeiro, de 73), os primeiros discos de Orlando Silva e os da série "Alegria, Alegria" de Wilson Simonal venderam tanto ou mais do que os 10 mais da lista, da qual só se salva o excelente "Mamonas Assassinas".

24 de junho de 2008 03:04  
Anonymous Araca said...

A surpresa com essas vendagens só pode vir daqueles que ainda acreditam na suposta sabedoria do povo.

O povo não sabe nada. E Nelson Rodrigues acrescenta: "o povo é débil mental".

24 de junho de 2008 12:41  
Anonymous Anônimo said...

Mamonas excelente? Que tragédia!

24 de junho de 2008 14:53  
Anonymous marcosomag said...

Mamonas foi excelente sim!Bases muito inteligentes, com muitas citações, desde Dream Theather, Clash, Rush até Só Pra Contrariar, Belchior e Trio Parada Dura. Músicos muito bem entrosados, com destaque para o guitarrista Bento Hinoto, que tinha por hobby tocar solos dificílimos de Alex Lifeson, Steve Vai e Joe Satriani.Sem falar nas letras engraçadíssimas.O disco deles foi sensacional!

25 de junho de 2008 06:03  
Blogger bruno said...

Mamonas execelente. Melhor Banda do Brasil disparada!!

3 de outubro de 2008 21:41  
Anonymous Anônimo said...

essa lista pode representar o nosso
péssimo gosto musical, mas nao po -
demos nos esquecer que a meninada ajudou muito nessa lista em rela -
çao a xuxa e mamonas assassinas. o
que realmente importa é que esses
aí são passageiros e os melhores sao eternos: jobim,chico buarque ,
roberto carlos,raul seixas, elis e
tantos outros...

13 de dezembro de 2008 11:58  
Blogger dalton said...

É impressionante como o tem pessoas q não aceitam os gostos de outras pessoas , e ainda fala em política , povo doido , a lista é estranha por causa da xuxa e do padre mas o povo não sabe q a xuxa só vende por q é pras crianças , o povo não sabe q o povo compro esse numero d disco do padre por q ele é católico e nos somos o maior povo católico do mundo , e leandro e leonardo nen podemos discutir !são os melhores q já existiu!

18 de dezembro de 2008 16:02  
Blogger leandro said...

A principio fiquei interessado em adquirir esse livro mas estou observando erros graves como a não inclusão de outros artistas que venderam muito por ex: rpm que ha muito tempo ultrapassou a casa dos 3 milhoes......A propria revista Isto é anunciou radio prirata ao vivo com vendagens de 3,5 milhoes....E Roberto Carlos????E muitos outros mais antigos ficaram de fora.......

28 de dezembro de 2008 23:21  
Anonymous Anônimo said...

essa lista ta errada infelizmente o disco mais vendido do brasil é o xou da xuxa 3

23 de dezembro de 2009 00:02  
Anonymous Anônimo said...

essa lista ta errada infelizmente o cd mais vendido do brasil e´o xou da xuxa 3.

23 de dezembro de 2009 00:04  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Como é que esses caras colocam 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos? Sendo que o Roberto foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e na América Latina? Essa história que foi Tonico e Tinoco é balela.

21 de agosto de 2015 15:08  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Como é que esses caras colocam 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos? Sendo que o Roberto foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e na América Latina? Essa história que foi Tonico e Tinoco é balela.

21 de agosto de 2015 15:08  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Como é que esses caras colocam 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos? Se ele foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e na América Latina? Essa história de quem vendeu mais foi Tonico e Tinoco é balela.

21 de agosto de 2015 15:11  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Como é que esses caras colocam 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos? Sendo que o Roberto foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e na América Latina? Essa história que foi Tonico e Tinoco é balela.

21 de agosto de 2015 15:14  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Esses caras tem coragem de colocar 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos que foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e América Latina. Essa lista é uma furada.

21 de agosto de 2015 15:36  
Blogger Marcio Andrei Vieira Gusmão said...

Esses caras tem coragem de colocar 3 discos de Xuxa e nenhum do rei Roberto Carlos que foi o artista que mais vendeu discos no Brasil e América Latina. Essa lista é uma furada.

21 de agosto de 2015 15:40  

Postar um comentário

<< Home