27 de novembro de 2009

Tiê voa alto no Balão Mágico ao abrir para Mraz

Escalada para fazer o segundo show de abertura da apresentação carioca do cantor e compositor norte-americano Jason Mraz, Tiê foi fiel ao seu pop de inspiração folk - mais adequado para palcos intimistas - e acabou conquistando pela simplicidade o público que lotava a casa Vivo Rio (RJ), na noite de 26 de novembro de 2009, na expectativa de ver o compositor do hit I'm Yours. Acompanhada apenas de seu tímido violão e da guitarra de Plínio Profeta, produtor de seu primeiro álbum (Sweet Jardim, 2009), Tiê tocou músicas de seu disco - Passarinho, Dois, Stranger But Mine - e, na sequência, voou alto a reboque do Balão Mágico. Sim, a cantora pescou uma pérola do repertório do grupo infantil A Turma do Balão Mágico - Se Enamora, melodiosa canção de terno romantismo adolescente, gravada pela Turma em seu terceiro álbum, de 1984 - e seduziu o público. Um êxito quase impensável para quem entrara em cena quase se desculpando ("Sou a Tiê, não sou o Jason Mraz. Vou tocar só quatro músicas e aí ele vai entrar") por estar ali no palco da casa Vivo Rio por conta de estratégia de marketing da Warner Music, a gravadora que abriga Tiê e Mraz em seu cast. Se Enamora vai ser hit. Belo voo da cantora-passarinho!!

7 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Escalada para fazer o segundo show de abertura da apresentação carioca do cantor e compositor norte-americano Jason Mraz, Tiê foi fiel ao seu pop de inspiração folk - mais adequado para palcos intimistas - e acabou conquistando pela simplicidade o público que lotava a casa Vivo Rio (RJ), na noite de 26 de novembro de 2009, na expectativa de ver o compositor do hit I'm Yours. Acompanhada apenas de seu tímido violão e da guitarra de Plínio Profeta, produtor de seu primeiro álbum (Sweet Jardim, 2009), Tiê tocou músicas de seu disco - Passarinho, Dois, Stranger But Mine - e, na sequência, voou alto a reboque do Balão Mágico. Sim, a cantora pescou uma pérola do repertório do grupo infantil A Turma do Balão Mágico - Se Enamora, melodiosa canção de terno romantismo adolescente, gravada pela Turma em seu terceiro álbum, de 1984 - e seduziu o público. Um êxito quase impensável para quem entrara em cena quase se desculpando ("Sou a Tiê, não sou o Jason Mraz. Vou tocar só quatro músicas e aí ele vai entrar") por estar ali no palco da casa Vivo Rio por conta de estratégia de marketing da Warner Music, a gravadora que abriga Tiê e Mraz em seu cast. Se Enamora vai ser hit. Belo voo da cantora-passarinho!!

27 de novembro de 2009 09:54  
Blogger Marcio said...

Mauro, entrevistamos a Tiê nesta quarta para o www.saraivaconteudo.com.br e foi lindo. Ela é uma pessoa encantadora, tem uma trajetória muito interessante e passa essa simplicidade que você descreveu na entrada em cena. Em breve, a gente vai subir o video. Abs, Marcio

27 de novembro de 2009 10:27  
Anonymous Leo said...

amo a tiê e voltei pra minha infância assim que li seu texto.

"se namora" é fofa.

adorei! [rs]

27 de novembro de 2009 12:24  
Anonymous Anônimo said...

A Tiê é pura simplicidade, desde a sonoridade minimalista até o jeito de agir, não se mostrou deslumbrada em momento algum depois do contrato com a Warner, continua levando sua carreira de maneira sincera, colocando sempre a música em primeiro lugar, ela vai longe e muito merecidamente. E a gravação de Se Enamora, q entrou como bônus do disco na reedição, ficou muito linda, tem tudo pra conquistar as pessoas, assim como o resto do disco.

27 de novembro de 2009 12:33  
Anonymous Diogo ! said...

Pura simplicidade mesmo dzier : "Sou a Tiê, não sou o Jason Mraz. Vou tocar só quatro músicas e aí ele vai entrar"

PS: Esses dias fui ao show de Mônica Salmaso e uma cantora daqui de SC também cantou 4 músicas. Não pude que foram "só" 4 músicas ...

27 de novembro de 2009 14:14  
Anonymous Anônimo said...

Tiê é uma cantora comum, mas não corre. Tem isso a seu favor. Vai fazendo as coisas com simplicidade e fidelidade ao seu gosto musical. Vai longe. Bonito essa coisa de não ficar forçando barra para o artista acontecer. Quem tem talento acaba acontecendo, basta estar em uma boa produtora. Ficar com gente que não trabalha também não dá. Milagres acontecem, mas precisa de ajuda para Deus colaborar. Sucesso Tiê!

27 de novembro de 2009 15:27  
Anonymous Denilson said...

Nunca assisti a um show da Tiê, mas já gostei dessa atitude "não-deslumbrada" dela. E a voz dela é mesmo muito bonita.

Legal.

abração,
Denilson

27 de novembro de 2009 16:32  

Postar um comentário

<< Home