2 de outubro de 2009

Alice in Chains põe fé na vida sem Layne Staley

Resenha de CD
Título: Black Gives
Way to Blue
Artista: Alice in Chains
Gravadora: EMI Music
Cotação: * * * 1/2

Black Gives Way to Blue é um disco de fé e esperança na vida que, apesar de tudo, tem que continuar. Tudo, no caso do grupo Alice in Chains, é a morte de seu vocalista Layne Staley em 2002. O canto de Staley era uma das marcas registradas da banda - um grande ícone do universo grunge - ao lado da guitarra e das músicas de Jerry Cantrell. E o fato é que, mesmo que o tempo não tenha esperado pelo Alice in Chains, o primeiro álbum de estúdio do grupo em 14 anos exala não somente otimismo, mas vigor. É claro que, para muitos, o novo vocalista William DuVall vai soar como um simulacro de Staley pelo timbre vocal similar. Contudo, Black Gives Way to Blue é um legítimo disco do Alice in Chains, cuja identidade já é perceptível nos acordes de guitarra que introduzem All Secrets Known. E o que se ouve na sequência - em faixas como Check my Brain e a balada Your Decision - é o mesmo grunge melódico e sombrio que pautou discos anteriores da banda. A diferença é que a morte de Staley é o mote desse disco de versos esperançosos. E não é por acaso que a bela faixa-título encerra Black Gives Way to Blue com o inusitado piano de Elton John e a crença de que, por mais tempo que leve, a escuridão sempre vai dar lugar à luz...

2 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Black Gives Way to Blue é um disco de fé e esperança na vida que, apesar de tudo, tem que continuar. Tudo, no caso do grupo Alice in Chains, é a morte de seu vocalista Layne Staley em 2002. O canto de Staley era uma das marcas registradas da banda - um grande ícone do universo grunge - ao lado da guitarra e das músicas de Jerry Cantrell. E o fato é que, mesmo que o tempo não tenha esperado pelo Alice in Chains, o primeiro álbum de estúdio do grupo em 14 anos exala não somente otimismo, mas vigor. É claro que, para muitos, o novo vocalista William DuVall vai soar como um simulacro de Staley pelo timbre vocal similar. Contudo, Black Gives Way to Blue é um legítimo disco do Alice in Chains, cuja identidade já é perceptível nos acordes de guitarra que introduzem All Secrets Known. E o que se ouve na sequência - em faixas como Check my Brain e a balada Your Decision - é o mesmo grunge melódico e sombrio que pautou discos anteriores da banda. A diferença é que a morte de Staley é o mote desse disco de versos esperançosos. E não é por acaso que a bela faixa-título encerra Black Gives Way to Blue com o inusitado piano de Elton John e a crença de que, por mais tempo que leve, a escuridão sempre vai dar lugar à luz...

2 de outubro de 2009 09:58  
Blogger marcelo said...

Mauro, você não fará a resenha do "Backspacer" do Pearl jam? Abs.

2 de outubro de 2009 11:36  

Postar um comentário

<< Home