24 de maio de 2010

Capa de 'best of' de Abreu chama CD de Marina

Embora reedite o alto padrão de elegância gráfica dos discos de Fernanda Abreu, a capa da coletânea dedicada à cantora na série Perfil, da gravadora Som Livre, tem desconfortável semelhança com a capa idealizada por Gringo Cardia para o CD O Chamado, lançado por Marina Lima em 1993. Nas lojas neste mês de maio de 2010, o Perfil de Fernanda Abreu festeja os 20 anos de carreira solo da artista, que lançou seu primeiro disco individual em 1990. Quem assina a foto da capa do CD de Abreu é Fernando Torquatto.

33 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Embora reedite o alto padrão de elegância gráfica dos discos de Fernanda Abreu, a capa da coletânea dedicada à cantora na série Perfil, da gravadora Som Livre, tem desconfortável semelhança com a capa idealizada por Gringo Cardia para o CD O Chamado, lançado por Marina Lima em 1993. Nas lojas neste mês de maio de 2010, o Perfil de Fernanda Abreu festeja os 20 anos de carreira solo da artista, que lançou seu primeiro disco individual em 1990. Quem assina a foto da capa do CD de Abreu é Fernando Torquatto.

24 de maio de 2010 23:08  
Anonymous Anônimo said...

Nem achei mas amo de paixão os 4(Marina,Gringo,Fernando e Fernando)

24 de maio de 2010 23:24  
Anonymous Alexandre Siqueira said...

Será que vão dizer que foi uma homenagem à Marina? Dizer que foi uma mera coincidência eu não engoliria. Também acabarem concluindo que foi cópia mesmo acho simplista demais e não há necessidade disso. Acho que tá mais pra uma homenagem que uma faz à outra. Aliás, seria muito legal se elas se juntassem num show. Seria realmente inédito!

24 de maio de 2010 23:34  
Anonymous Anônimo said...

Mauro, vc é fogo!
Sempre atento a detalhes.
Não é que a capa é "igual"...
Adoro a Marina, mulher necessária
na MPB. Fernada Abreu também é um charme. Nem precisa cantar. Fernanda é interessante. Não cobro voz dela. Pois tem atitude.

24 de maio de 2010 23:50  
Anonymous Anônimo said...

A FERNANDA PODE!!!

24 de maio de 2010 23:57  
Blogger anderson_marx said...

Palavras de Abreu para o Fã-Clube 100% a respeito da comparação:

"Quanto a foto da capa e a menção sobre ser semelhante a da Marina Lima digo o seguinte: A ideia inicial da capa do “Perfil” sempre foi fazer uma foto de perfil.

Quando Torquato fez a maquiagem e cabelo nem pensamos se era parecido ou nao com alguem. Depois da capa pronta mostramos pra uma serie de pessoas (Grazi, Joao, Laufer, Marcia, Felipe Abreu, o presidente da EMI, os assistentes do Luiz Stein e etc...) e NINGUEM se lembrou da capa da Marina. Assim que começou a pipocar essa historia da semelhança até que achei legal pois além de ser fã da Marina fica então uma homenagem mesmo que inconscientemente (já que nao tinhamos essa intenção).

Portanto quando a galera levantar essa lebre diga que: mesmo sem eu ter propositadamante pensado na capa da Marina aproveito pra dedicar essa homenagem a ela! - FERNANDA ABREU."

25 de maio de 2010 00:47  
Anonymous Anônimo said...

Pensei nisso na hora que eu vi. Mas não adianta, que o charme e a elegância da Marina não dá pra copiar.
Essa argolinha da Abreu... deixa pra lá.

25 de maio de 2010 02:25  
Anonymous Anônimo said...

É parecido mas não é igual.

25 de maio de 2010 09:45  
Anonymous André said...

"Fernanda Abreu também é um charme. Nem precisa cantar. Fernanda é interessante. Não cobro voz dela. Pois tem atitude."

O anônimo aí em cima falou tudo.

25 de maio de 2010 10:48  
Anonymous Lurian said...

Charmosissimas Marina Lima, Fernanda Abreu e suas palavras! Fica a dica pra Fernandinha gravar uma das pérolas da Marina!!!

25 de maio de 2010 10:58  
Anonymous Plava said...

As duas se merecem.
Uma perdeu a voz.
Outra nunca teve.

25 de maio de 2010 11:46  
Anonymous Plava said...

Meu bem, a série é 'Perfil'. A alusão é por demais óbvia, mas esperar o que?

25 de maio de 2010 11:51  
Anonymous Anônimo said...

Mas nao e inimaginavel que o presidente de uma gravadora e pessoas de producao do meio fonografico nao se lembrem , nao conhecam, nao tenham tido um momento sequer de "dejavu" enao tenham lembrado da capa de uma cantora super pop e importante para toda a estetica musical dos anos 80 no Brasil? Ainda mais uma capa em preto e branco ? E de um disco super conhecido de Marina?

Me engana que eu gosssssto!

Gosto da Fernandinha mas esta capa eh uma copia fiel...e fotografos sao super influenciados por trabalhos de outros fotografos, guardam revistas, livros da area, entao pode-se concluir que o Fernando Torquato eh uma excessao.
So faltou dizer que ele nao conhece a Marina!

25 de maio de 2010 11:59  
Anonymous paulo andré said...

a capa da marina é de giovanni bianco (o mesmo que faz os da madonna), não é do gringo cardia!

25 de maio de 2010 16:14  
Blogger Carlos Lopes said...

Não se lembraram das semelhanças entre as capas dos discos? Estão fazendo de nós palhaços, é isso?

25 de maio de 2010 16:44  
Blogger anderson_marx said...

Se fosse outro artista, eu até acreditaria, mas vcs sabem o qto a Fernanda é "chata" e exigente no bom sentido da palavara com suas capas, encarte e parte gráfica dos cds e estética de shows.

25 de maio de 2010 18:02  
Blogger Claudio Almeida said...

Acho que ninguém deve lembrar, mas nos anos 80, mais precisamente em 1985, a Simone e a Joanna lançaram discos com capas (quase) iguais. O disco "Cristal" da Simone, pelo menos a capa, é igual ao da Joanna, ou vice-versa (não sei qual foi lançado primeiro)...e daí? Será que rolou esta polêmica toda? Nesta época, as duas estavam no auge de suas carreiras.
Discos inéditos, lançados no mesmo ano (85) e com capas iguais, e daí?
Qual o problema da Fernanda com uma capa que lembra a capa do CD da Marina lançado nos anos 90? Meu Deus!

25 de maio de 2010 21:36  
Anonymous Anônimo said...

Até parece que " O Chamado " foi um estouro de vendas e que todos deveriam se lembrar deles ...

25 de maio de 2010 21:56  
Anonymous Anônimo said...

E a resenha,que é o que importa,se vai postar quando?

25 de maio de 2010 22:07  
Anonymous Anônimo said...

Acho que o problema veio mesmo em cima do depoimento da Fernanda...dizer que fez a capa inspirada na outra capa porque gostou da capa e queria uma semelhante nao tem problema nenhum...dizer que nao sabia da existencia da outra capa ou que nem lembrava e que entao o resultado fica como uma homenagem aa Marina tem outro tom...ou voce nunca interpretou uma sentenca?

25 de maio de 2010 23:23  
Anonymous Anônimo said...

Paulo André, o Giovanni Bianco fez o projeto gráfico de Abrigo, Registros a Meia Voz e talvez outros mais. Mas a capa de O Chamado é mesmo do Gringo Cardia - está nos créditos do CD.

26 de maio de 2010 09:16  
Anonymous Anônimo said...

Também acho que é papo fiado essa história de que ninguém lembrou da capa da Marina. Parece desmerecer um álbum que, mesmo não tendo sido um fenômeno de vendas, ainda assim é um álbum bastante conhecido.

Como alguém bem comentou, Fernanda é muito exigente com a estética (inclusive mais até do que com o conteúdo). Dizer que foi coincidência, sei não...

26 de maio de 2010 09:23  
Anonymous Anônimo said...

Para os desavisados, O Chamado foi um CD muito bem sucedido e lindo.

A Simone e a Joanna tiveram outra coincidência que foram nas capas Corpo e Alma e Vidamor respectivamente em que na foto apareciam com o dorso nu.

Portanto essa coincidência depois com tantos anos de intervalo não tem tanta importância para debate.

26 de maio de 2010 11:29  
Anonymous Anônimo said...

23:33, Até parece que " O Chamado " foi um estouro de vendas e que todos deveriam se lembrar deles ... (2)

26 de maio de 2010 13:07  
Anonymous Anônimo said...

A Capa da Fernanda Abreu lembra sim a do "Chamado"
Mas as semelhanças são poucas.
A foto dela é em preto e branco com o cabelo preso... E está de perfil acho que fazendo referência ao nome do cd.
A capa de Marina tem uma atitude por trás, tem um olhar provocador, acho mais estilizada.

26 de maio de 2010 13:30  
Blogger Pedro e Progresso said...

Como se a Fernanda Abreu já não tivesse feito igual no seu outro disco "Na Paz" que pegou todo conceito do "American Life" do "American life" da Madonna.

26 de maio de 2010 14:04  
Anonymous Anônimo said...

essa coincidência depois com tantos anos de intervalo não tem tanta importância para debate.(2)

E a resenha,que é o que importa,se vai postar quando?(2)

26 de maio de 2010 18:04  
Anonymous Anônimo said...

Anônimos pedindo resenha!
Fazer resenha de um PERFIL?
Anônimos, é uma coletâneaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!
Não tem gravação nova!
Fazer resenha do que já passou...
É cada coisa em Mauro?
Vc tem muita paciência com seus leitores. Parabéns.

26 de maio de 2010 22:03  
Anonymous Anônimo said...

Essa é a típica "polêmica-Madonna" ! Criada em laboratório com o objetivo de chamar a atenção para o lançamento da coletânea da moça. E fazer com que nós, os bobos, discutamos, levemos o tema adiante e ajudemos na divulgação.

26 de maio de 2010 22:15  
Anonymous Anônimo said...

Nada a ver comparar "Na Paz" com "American Life"... O trabalho gráfico é completamente diferente. A temática sim é a mesma. E quem não fala de guerra? Daqui a pouco vão dizer que há comparação com O Rappa!

27 de maio de 2010 02:28  
Anonymous Telmo said...

"O Chamado" foi sim um estouro em vendas, com disco de platina! E as capas são diferentes sim, em charme, design e sofisticação (para Marina Lima, é claro!)

27 de maio de 2010 10:28  
Anonymous Anônimo said...

(...)"E as capas são diferentes sim, em charme, design e sofisticação (para Marina Lima, é claro!)" (2)

27 de maio de 2010 16:49  
Anonymous Anônimo said...

Para evitar que a moda da falta de créditos pegue de vez, como nesse escandaloso caso da capa da Fernanda Abreu x O Chamado, seria de bom tom informar que essa "semelhança" no design das capas foi levantada pelos leitores deste blog nos comentários de post anterior, sobre o lançamento propriamente dito do CD Perfil.

28 de maio de 2010 17:38  

Postar um comentário

<< Home