8 de julho de 2009

Diogo Poças é aposta alta da Warner para 2009

Irmão de Céu, Diogo Poças - em foto de Marcos Lopes - é uma das maiores apostas da Warner Music para o segundo semestre de 2009. Antecipado pelo single promocional com a música Pedacinho de Vida, parceria de Diogo com Jessé Santos, o primeiro álbum do cantor e compositor chega às lojas em breve com repertório essencialmente autoral, produção de Pepe Cisneros e participação da mana Céu na faixa Nada que te Diz Respeito. Sambas como Carioquinha (no qual o paulista Diogo corteja o Rio de Janeiro em letra que relaciona vários cartões postais da Cidade Maravilhosa com pontos famosos de Sampa) e A Vizinha de Frente são temas que integram o repertório do álbum, feito no estúdio paulista BRC.

13 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Irmão de Céu, Diogo Poças - em foto de Marcos Lopes - é uma das maiores apostas da Warner Music para o segundo semestre de 2009. Antecipado pelo single promocional com a música Pedacinho de Vida, parceria de Diogo com Jessé Santos, o primeiro álbum do cantor e compositor chega às lojas em breve com repertório essencialmente autoral, produção de Pepe Cisneros e participação da mana Céu na faixa Nada que te Diz Respeito. Sambas como Carioquinha (no qual o paulista Diogo corteja o Rio de Janeiro em letra que relaciona vários cartões postais da Cidade Maravilhosa com pontos famosos de Sampa) e A Vizinha de Frente são temas que integram o repertório do álbum, feito no estúdio paulista BRC.

8 de julho de 2009 12:33  
Anonymous Dirce said...

Fala Póças, como os bandeirantes, ou Pôças, como os tamoios?

8 de julho de 2009 15:40  
Blogger Michelle Bruck diretora artística da Pelo Mundo, locutora, apresentadora, programadora musical e ainda respira música 24H por dia. said...

olá mauro, meu nome é michelle sou diretora artística da Pelo Mundo Produções e gostaria de convidá-lo a conhece-la no www.pelomundo.com.br. Há algum email em que possamos entrar em contato com vc? Caso sim, vc pode entrar em contato conosco através do site da Pelo Mundo?
obrigada e parabéns pelo trabalho

8 de julho de 2009 17:20  
Anonymous Anônimo said...

Teve uma matéria de panelão,na Ilustrada do último domingo,Folha de São Paulo, falando dos novos cantores.Esse cara foi citado.Agora entendo.É irmão da Céu.Panelão que coisa feia.Era na maioria figurinha carimbada Mauro.O filho da Tetê Espíndola estava no meio.Que coisa feia.Eu estou perdido.Quero cantar mas não sou filho e nem irmão de famoso.Vou desistir.É o que me resta.A luta é muito desigual.O que conta não é o talento.Lamentável.A maioria destacada no texto da Folha não canta nada e tem um trabalho de composição bem mediano para ruim.

8 de julho de 2009 18:39  
Anonymous Anônimo said...

Dizem que esse menino é muito bom. Vi no myspace dele e a voz é linda.

Também li a matéria da Folha. Não conhecia esse filho da Tetê Espíndola e fui olhar e ele canta bem mesmo, e compõe bem também.

O cara do comentário aí de cima tá meio tristinho, né? Talvez seja melhor ele desistir mesmo, porque vai sofrer muito nesse mundo. A pessoa que abre um jornal e desiste de cantar porque não está nele não vai ter forças pra chegar muito longe. Melhor desistir antes.

Mauro, quando sai o novo disco da Céu?

beijo,
Lia

8 de julho de 2009 19:37  
Anonymous Anônimo said...

Não vejo nenhuma graça em Céu, portanto acho que não sou suspeito: que mania agora de todo artista que surge com algum grau de parentesco com outro mais ou menos famoso SER CULPADO E SÓ TER SURGIDO POR ISSO.
Tá difícil, hein ?!
Música não é política, não.

8 de julho de 2009 19:55  
Anonymous Anônimo said...

TAMBÉM ACHO. MÚSICA NÃO É POLÍTICA NÃO. E QUEM NÃO TEM TALENTO TEM MANIA DE COLOCAR A CULPA NAS PANELAS E NAS FILIAÇÕES ALHEIAS EM VEZ DE ENCARAR O PRÓPRIO FRACASSO. TÍPICO DE GENTE SEM FUTURO.

MUITO BOA A DICA, MAURO.
COMO SEMPRE, ALIÁS.

8 de julho de 2009 20:19  
Anonymous Anônimo said...

Esse cara vai longe. É merecedor.
Trabalhador, dedicado, talentoso, e humano. Canta lindamente, com amor e devoção.
Cheio de bossa, ele é Diogo Poças. Bonito por fora, e mais ainda por dentro. Por sorte é irmão da linda CéU, mas nada caiu do céu...

8 de julho de 2009 21:16  
Anonymous Beto Brandão said...

Ola! Conheço pessoalmente o Diogo. Que eu saiba ele tem 35 anos de idade e mais de 18 anos em estudio.Em uma entrevista para o Jornal da Tarde em São Paulo , ele disse que fez o disco porque ficou apavorado após um acidente de moto, por achar que iria dessa pra melhor sem fazer oq de fato gosta, cantar. Eu a muito tempo conheço o trabalho publicitário do Diogo (sou atendimento de agencia) e ele nunca se utilizou do fato de ser irmão da Céu ou filho do Edgard Poças, em nenhuma circunstancia..Alem doque o disco é otimo, legitimo.
Quem não gostar, que faça o seu.abx

9 de julho de 2009 00:31  
Anonymous Anônimo said...

Beto é muito difícil não ser irmão da Céu.Porque não está escrito aí que ele é apenas um compositor como tantos outros.Porque a referência?Se tem tanto talento assim vai com Deus.

9 de julho de 2009 10:04  
Anonymous Anônimo said...

Mais um Diogo nesse blog ? Nem esse nem o Nogueira, eu gosto daquele que sempre comenta e assina com " ! " o seu nome

9 de julho de 2009 11:04  
Anonymous Anônimo said...

Que delícia Mauro!
Meus comentários no seu blog virou marca registrada.
Isso por causa da minha forma de ecrever sempre com "!".
Adorei!Vou comentar depois esse assunto!Pra não ser injusto!
Abraços

9 de julho de 2009 11:25  
Anonymous Tarsila said...

Po, o som é bom. Qual é o problemna de ser ele irmão da Céu? Eu por acaso não conhecia a Céu, e achei o som dele mais legal, agora que ouvi ambos.

1 de agosto de 2009 21:52  

Postar um comentário

<< Home