20 de maio de 2009

Godá canta amores em cabaré à moda de Waits

Resenha de CD
Título: Renato Godá
Artista: Renato Godá
Gravadora: Rob Digital
Cotação: * * * 1/2

Imagine cabaré do tipo mais vagabundo com sua atmosfera esfumaçada. É nesse clima que Renato Godá canta músicas como Outro Cigarro, destaque entre as sete faixas do EP que a gravadora Rob Digital está reeditando neste mês de maio de 2009 por conta do sucesso virtual das músicas na internet. A propósito, o falso título forjado na rede por um gaiato a partir da capa da edição original do disco, De Modo Tom Waits, já dava a pista certeira da principal influência deste compositor paulistano que transita pelo folk e até pelo universo musical gipsy - como na faixa O que Você Quer Eu Não Sei - sob a direção musical de Apollo 9, um dos produtores do disco. Godá soa original para os padrões brasileiros, ainda que suas canções mais despudoradamente românticas, casos das bregas-chiques Em suas Mãos e Démodé, soem menos inovadoras (mas nem por isso menos interessantes). O repertório certamente deve ficar ainda mais sedutor no palco, com a simulação de um ambiente de cabaré, mas o fato é que temas como Kamikaze e o irresistível Bom Partido - em que Godá molda orgulhoso autorretrato por meio de versos como "Vivo entre profanos e anjos decaídos / Sou um cão devasso / Mundano e explosivo / Um pegador convicto / Um anti-herói vendido" - revelam artista de perfil curioso. Renato Godá não chega a ser o Tom Waits brasileiro, mas tem lá seus encantos!!

2 Comments:

Blogger Vivi Drumond said...

Oi Mauro, uma correção... o nome do disco nunca foi "De modo Tom Waits". Esso foi mais um resultado do turbulento mundo da net. A capa do disco foi clonada e seu inventor criou a frase, sabe-se lá porquê.
Obrigada,
Beijos Vivien Drumond (assessoria de imprens ROb Digital)

21 de maio de 2009 18:40  
Blogger Mauro Ferreira said...

Ok, Vivi, grato pela correção. Já alterei o texto.

22 de maio de 2009 08:21  

Postar um comentário

<< Home