19 de abril de 2008

Caetano regrava 'Tempo de Estio' com Jammil

Simpatizante da música pop baiana rotulada como axé music, Caetano Veloso regravou sua música Tempo de Estio - lançada pelo compositor em 1978 no álbum Muito (Dentro da Estrela Azulada) - para CD e DVD do grupo Jammil e uma Noites - nas lojas em julho. A foto de Fred Pontes flagra o artista com o trio baiano no estúdio AR, no Rio de Janeiro (RJ). Feita em 9 de abril, a gravação vai entrar no vídeo em forma de clipe. Gravado ao vivo em shows feitos pela banda em Porto Seguro (BA) e no Carnaval de Salvador (BA), o terceiro DVD do Jammil e uma Noites vai contar também com adesões de Biquini Cavadão (na música Amar É), Carlinhos Brown (Maralinda), Daniela Mercury (Dom de se Dar), Adelmo Casé (Quer Saber?) e Larissa Luz, a cantora que substituiu Tatau no posto de vocalista do grupo baiano Ara Ketu (Papapaia).
E por falar em axé music, a gravação em CD e DVD da turnê Asa 20 Anos - agendada pelo grupo Asa de Águia para 1º de maio, em show no Parque de Exposições de Salvador (BA) - contará com a presença já certa de Ivete Sangalo em música ainda não divulgada.

12 Comments:

Anonymous Anônimo said...

é impressionante como os baianos tão sempre unidos, dando força uns pros outros.

19 de abril de 2008 13:10  
Anonymous Anônimo said...

Sempre dando força um pro outro mesmo que esse outro seja uma lástima como no caso desse jamil que sinceramente, só o poço!!!

19 de abril de 2008 13:29  
Blogger Vinhal said...

É Tempo de EstiLo, não Tempo de Estio!

19 de abril de 2008 14:52  
Blogger Vinhal said...

Ops, é de Estio mesmo!

O meu encarte que tá errado!
Hahahah!

19 de abril de 2008 14:53  
Anonymous Anônimo said...

Caetano não tem mesmo o menor critério... Cruz credo!

19 de abril de 2008 14:56  
Anonymous Anônimo said...

Tô fora!

19 de abril de 2008 16:24  
Anonymous Anônimo said...

Mano Freire disse...

A musica � legal e at� aquele cantor Marcelo, l� nos idos dos anos 70 regravou essa m�sica como forma de esquentar o ver�o do Rio. Quero mesmo ver no que vai dar com esses caras que s�o um saco. Ainda bem que Caetano vai dar o suporte. Agora falando em Adelmo Caz� o cara � um bom vocalista e podia terem deixado essa pra ele e Caetano.

19 de abril de 2008 20:54  
Anonymous Anônimo said...

Caetano está sendo apenas coerente com o que defendeu a vida inteira: a recusa de distinguir entre o bom e o mau gosto. Ou esse não é um dos fundamentos do chamado 'tropicalismo'?

19 de abril de 2008 22:07  
Anonymous Anônimo said...

CV sempre teve péssimo gosto musical. E adora parecer irreverente.

20 de abril de 2008 13:34  
Anonymous Anônimo said...

Como sempre, os "puristas de plantão" se incomodando com Caetano, rs. Puristas, entendam uma coisa: Caetano é Caetano! Enquadrem outros compositores com seu purismo. Caetano não dá a menor bola pra vcs.

21 de abril de 2008 00:48  
Anonymous Anônimo said...

O Caetano não dá bola pra mim, mas eu dou bola pra ele. Reclamo e amo.

21 de abril de 2008 16:19  
Blogger Pedro Progresso said...

Puristas a parte, fiquei muito mais curioso pela escolha inovadora do Jammil (banda que eu - adorador de axé music - não gosto) do que pela escolha do Skank.
Pelo menos eles foram ousados em escolher uma canção que é um lado B, que passa desconhecida pela maioria das pessoas, não é uma gravação superpasteurizada só pra agitar a novela das 7.

Só por isso, a banda já tem um crédito.

QUanto ao dvd do Asa (que poderia muito bem receber uma postagem separada do Jammil, sendo que, quando se trata de uma das cantoras do Mauro, elas recebem até 3 posts separados pra falar detalhes específicos), pensei que fosse ser gravado em São Paulo, pois fui no show de 20 anos no ano passado no Estância, e gostei bem mais do repertório desse dvd do que do 1o., Asa de águia ao vivo.

22 de abril de 2008 10:35  

Postar um comentário

<< Home