5 de setembro de 2007

Daniela e Bosco brilham na 'Cidade do Samba'

Resenha de gravação de CD / DVD
Título: Cidade do Samba
Artista: Vários
Gravadora: Zeca Pagodiscos / EMI
Data: 4 de setembro de 2007
Local: Cidade do Samba, Gamboa (RJ)
Cotação: * * *

"Esse cara é muito louco", resumiu Cláudia Leitte a respeito de Jair Rodrigues, seu parceiro na elétrica releitura de Deixa Isso pra Lá, último número do primeiro dos dois dias de gravação do CD e DVD Cidade do Samba. Onze duplas subiram na noite de terça-feira, 4 de setembro, ao palco da Cidade do Samba, grande complexo de barracões que abrigam carros alegóricos das escolas de samba, na Gamboa, bairro da zona central do Rio de Janeiro. O encontro de Daniela Mercury com João Bosco em De Frente pro Crime foi um dos destaques da noite. Idealizado por Max Pierre, o projeto é a continuação da série Casa de Samba e marca a abertura do selo de Zeca Pagodinho, Zeca Pagodiscos. CD e DVD saem em outubro.

A agitação da dupla formada por Cláudia Leitte e Jair Rodrigues - eles chegaram a descer do palco para fazer seu número na platéia - encerrou a gravação apresentada por Ricardo Cravo Albin com a regência do maestro Rildo Hora. Somente duas duplas - Pitty & Marcelo D2 (Edmundo, em clima de samba-rap em performance entrosada e suingante) e Fundo de Quintal & Gabriel O Pensador (Boca sem Dente, um pagode acompanhado na palma da mão pelo público, com direito ao habitual discurso rapeado do Pensador) - gravaram de primeira e não precisaram repetir os seus números.

Musicalmente, a apresentação de Daniela Mercury e João Bosco foi irretocável. João já introduziu De Frente pro Crime com seu violão e seus vocais percussivos, pontuados por uma cuíca. Aos poucos, a cozinha da boa banda-base da gravação foi marcando presença e acentuando a interação da cantora e do compositor, que se alternavam nos versos do samba de Bosco e Aldir Blanc. Se Lenine e Zélia Duncan não chegaram a empolgar com Bebete Vão Bora (Jorge Ben Jor), apesar de estarem entrosados, Ivete Sangalo conquistou o público com seus requebros sensuais em Não Tenho Lágrimas, número dividido com o dominicano Juan Luis Guerra, pouco à vontade, mesmo cantando em espanhol. Faltou molho...

Vozes do morro, Luiz Melodia e Seu Jorge reviveram Diz que Fui por Aí, de Zé Kétti. Já Negra Li soou graciosa ao entoar Jura com arranjo reverente à cadência amaxixada do tema de Sinhô. O seu parceiro no número, Walter Alfaiate, teve grande dificuldade em acompanhar a letra, mas acabou se saindo bem - com o incentivo da platéia de convidados. Já o encontro de Martinho da Vila com o anfitrião Zeca Pagodinho merecia uma música mais inspirada do que o samba Mulheres, o hit de Martinho em 1996. Faltou o calor que sobrou no bom dueto de Dorina com Almir Guineto em Mel na Boca. Por sua vez, Teresa Cristina, mesmo tímida, se harmonizou com Nelson Sargento no clássico samba Agoniza, mas Não Morre.

Embora constasse do cronograma do primeiro dia, o encontro de Gilberto Gil com Marjorie Estiano não aconteceu. A gravação do CD e DVD Cidade do Samba prossegue nesta quarta-feira, 5 de setembro, com as participações de nomes como Alcione, Roberta Sá, Beth Carvalho, Mariana Aydar, Ivone Lara e Vanessa da Mata.

23 Comments:

Anonymous Pedro.Peter.Drão said...

Marjorie Estiano?
Nem este ano, nem o próximo... uhauhauhauhauhauhuahuahuah
Brincadeira, esse cidade do samba tem cara de coisa boa, vamos esperar pra ver as próximas gravações e o lançamento em si.

5 de setembro de 2007 01:21  
Blogger Vinny said...

Esse DVD está imperdível!

Muita gente boa, fazendo a melhor música!

Muito bom saber que Daniela arrebentou hoje. Muito curioso pra ver essa parceria com o João Bosco.

5 de setembro de 2007 01:22  
Anonymous Moisés said...

Nem pensa em elogiar a Roberta, Mauro, ou vai ser atacado. haha

5 de setembro de 2007 01:46  
Anonymous Diogo Santos said...

Olá Pessoal !

Realmente o encontro de Martinho e Zeca merecia uma canção mais inspirada que " Mulheres ".

Marjorie e Gilberto Gil cantando(mais uma versão de)" Chiclete com Banana" ? Beth e Daniela gravaram no inédito cd de sambas da Bahia de Beth Carvalho e Zelia no " Forró pras Crianças " da Biscoito Fino. Falando em Zélia, qual foi a idéia em gravar " Bebete Vão Bora " ?


No mais, achei o projeto legal e gostaria de ter assistido a gravação. E como terá a madrinha do samba, imagino que meu irmão camarada Marcelo Barbosa vai ser um dos compradores .... hehehe

A todos, um abraço
caxias.diogo@bol.com.br

5 de setembro de 2007 01:57  
Anonymous Anônimo said...

O Jair Rodrigues é um saco!
O cara só sabe cantar essa música chata e dizer que é o primeiro rap do país, nem rap isso é.
O que foi que o ministro fez pra merecer tal castigo?

5 de setembro de 2007 03:18  
Anonymous Anônimo said...

Deviam ter colocado Marisa Monte e Djavan...

Bruno.

5 de setembro de 2007 08:51  
Anonymous Anônimo said...

João Bosco gosta de Daniela e já a convidou para uma participação no disco Dá licença meu senhor. Vai ver essa é uma das razões porque o dueto funcionou bem.

Flávio

5 de setembro de 2007 09:03  
Anonymous Anônimo said...

Colocar Cláudia Leite, Chorão, Pitty, Marjorie Estiano nesse projeto é um homicídio qualificado.

5 de setembro de 2007 09:14  
Anonymous Anônimo said...

Gente fala sério que o melhor da noite como o próprio (incrível) Mauro falou foi o dueto da Dorina com Almir entendem do babado, realmente Dorina mesmo outros falando boa , ela arrassou ela é ótima!!! e Ivete é sempre muito divertida e a Teresa coitada é sempre bem mortinha no palco.
\Mauro e voce é incrível dos melhores comentaristas sem dúvida.

5 de setembro de 2007 09:38  
Anonymous Anônimo said...

Mas eles só estão no projeto pois são sinonimos de vendas...

Bruno.

5 de setembro de 2007 09:49  
Anonymous Anônimo said...

Com certeza Dorina e Almir Guineto como disse nosso querido Mauro foram os melhores da noite em samba...
Dorina sem duvida nenhuma tem voz , presença de palco e carisma de sobra.
Aliás se eu tivesse convite eu iria hoje para ver Nilze Carvalho também maravilhosa com D Ivone Lara.

5 de setembro de 2007 09:59  
Anonymous Anônimo said...

Gilberto Gil fara a gravação hj com essa mina...

Bruno.

5 de setembro de 2007 11:01  
Anonymous Anônimo said...

Esse projeto é um EQUÍVOCO. O que Pitty e Chorão entendem de samba??? Triste fim da música...

5 de setembro de 2007 11:05  
Anonymous Anônimo said...

ronaldo falando-
sentindo falta do comentarista Zé Henrique, mesmo assim opino:

1- tem alguns enganos sim, mas gente quem a não ser o samba-democrático, aglutinador, e com este comandante maravilhoso que é Mister Zeca Pagodinho, poderia reunir 48 artistas para esta festa.
Voce Mauro diga com sinceridade, se alguma vez alguem renomado da MPB ou do Rock, ou de qualquer outra vertente musical, fez isso?
só o samba faz isso, então vamos para de falar mal e dar parabéns a este projeto e que tenha vida longa.
Aliás mesmo zé henrique e Mauro que tem preferências por marisas e robertas e teresas, me perdoem mas Dorina arrassou e agora faço parte dos que promovem este nome que é sinonimo de qualidade de samba.
é nessa que eu vou
xs ronaldo

5 de setembro de 2007 12:07  
Anonymous Anônimo said...

eei, mas me diz um coisa: a maria rita não ia participar também? se não me engano, era com o djavan.

5 de setembro de 2007 12:28  
Anonymous Luc said...

Simpatizo com esse formato. Não compro, mas peço emprestado (muquirana...) para ouvir 3 ou 4 faixas.

Luiz Melodia já gravou 'Diz que Fui por Aí', mas bom cantor que é, deve ter dado um 'tapa' na canção com Seu Jorge.

5 de setembro de 2007 13:06  
Blogger Vinny said...

Meu Deus! Até quando a Roberta não está, vocês comentam dela... ela realmente está arrasando. Não conseguem esquece-la nunca.

Mauro, pode comentar a vontade da Roberta MARAVILHOSA Sá, viu?!

5 de setembro de 2007 13:19  
Anonymous Anônimo said...

Juliana disse...
O samba é o gênero musical brasileiro por excelência e principal patrimônio cultural desse país. Por isso, qualquer atista brasileiro de qualquer outra praia pode, a princípio, participar desse projeto. Vocês podem até dizer, DEPOIS DE OUVIREM O RESULTADO, que ficou ruim, mas dizer de antemão que certos artistas não têm o direito de participar é nazista.

5 de setembro de 2007 16:09  
Anonymous Anônimo said...

Daniela de novo? Até em comercial de sabão em pó temos que aguentá-la!

5 de setembro de 2007 16:30  
Blogger aguiar_luc said...

Da-lhe La Mercury e Roberta Sá!!!!!!!!!!!!!! Por que não um dueto entre as duas!

5 de setembro de 2007 17:24  
Anonymous Anônimo said...

olá, já está no ar o teaser do projeto
www.zecapagodiscos.com.br
o site oficial entra quando o disco for lançado
e também já tem o
www.youtube.com/zecapagodiscos
com vídeos exclusivos de making of

5 de setembro de 2007 18:57  
Anonymous Pedro.Peter.Drão said...

"Marjorie e Gilberto Gil cantando(mais uma versão de)" Chiclete com Banana" ? Beth e Daniela gravaram no inédito cd de sambas da Bahia de Beth Carvalho e Zelia no " Forró pras Crianças " da Biscoito Fino."

- Sim. Podem ser muitas regravações da mesma música. Mas só pra não deixar passar, que quem revitalizou e tornou eterna a (esquecidíssima!) canção de Gordurinha foi o próprio Gil, no álbum "Expresso 2222". E talvez por isso ele tenha sido chamado pra cantar com a M.Estiano.

6 de setembro de 2007 00:48  
Anonymous Anônimo said...

Sem dúvida as melhores duplas foram Dorina e Almir e Nilze e D. Ivone. Sabem porque? Não tem mentira. É samba e pronto. Porém, das junções inusitadas gostei de ver e ouvir Dudu e Chorão, e gente, juro, nunca podia imaginar que diria isso, mas os dois aconteceram legal no palco. Já o D2 e a Pit, completamente descartável. Seu Jorge (que eu até gosto) com Melodia (que eu amo) ficaram a desejar, pois senti que Luis queria se soltar, mas seu Jorge insistia em se esconder atrás dos cabelos, esperava mais dele. Quanto ao Gil, não há o que falar, sabe tudo, sua generosidade com a M. foi gritante, ele fez tudo, mas tb fala sério, cantar com o Gil não deve ser nada fácil... Agora, o que me dizem de Ricardo Cravo Albim? vão cortar aquilo né?

9 de setembro de 2007 11:50  

Postar um comentário

<< Home