26 de fevereiro de 2010

'Exile on Main Street', dos Stones, ganha bônus

Um dos (maiores) clássicos da discografia dos Rolling Stones, o album duplo Exile on Main Street, lançado em 1972, ganha reedição especial com dez faixas-bônus. Entre os tais bônus, há músicas inéditas - casos de Plundered my Soul, Dancing in the Light, Pass the Wine e Following the River (produzidas por Jimmy Miller, Glimmer Twins e Don Was) - e versões alternativas das faixas Soul Survivor e Loving Cup. A reedição especial vai chegar às lojas a partir de 17 de maio de 2010, em escala mundial, via Universal Music. O material de arquivo ganhou adição de guitarra (posta por Keith Richard), percussões e vocais (a cargo de Mick Jagger), mas, de acordo com declarações de Jagger, permanece fiel ao formato original. Juntamente com a reedição está programada a estreia do documentário Stones in Exile, dirigido por Stephen Kijak. O filme flagra a banda na gravação do álbum duplo, que volta às lojas em três formatos: o original, o especial (com as faixas-bônus) e em luxuoso box que embala vinil, livro e DVD com um outro documentário sobre os Stones. Este box não deverá sair no Brasil.

2 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Um dos (maiores) clássicos da discografia dos Rolling Stones, o album duplo Exile on Main Street, lançado em 1972, ganha reedição especial com dez faixas-bônus. Entre os tais bônus, há músicas inéditas - casos de Plundered my Soul, Dancing in the Light, Pass the Wine e Following the River (produzidas por Jimmy Miller, Glimmer Twins e Don Was) - e versões alternativas das faixas Soul Survivor e Loving Cup. A reedição especial vai chegar às lojas a partir de 17 de maio de 2010, em escala mundial, via Universal Music. O material de arquivo ganhou adição de guitarra (posta por Keith Richard), percussões e vocais (a cargo de Mick Jagger), mas, de acordo com declarações de Jagger, permanece fiel ao formato original. Juntamente com a reedição está programada a estreia do documentário Stones in Exile, dirigido por Stephen Kijak. O filme flagra a banda na gravação do álbum duplo, que volta às lojas em três formatos: o original, o especial (com as faixas-bônus) e em luxuoso box que embala vinil, livro e DVD com um outro documentário sobre os Stones. Este box não deverá sair no Brasil.

26 de fevereiro de 2010 22:32  
Anonymous Anônimo said...

Um dos poucos discos de rock que prestam, e um dos melhores discos dos anos 70, em qualquer gênero.

26 de fevereiro de 2010 22:41  

Postar um comentário

<< Home