20 de janeiro de 2010

Com Ney, Alzira adianta disco em show inédito

Alzira E - atual nome artístico da cantora e compositora Alzira Espíndola - mostra no show Finalmente músicas inéditas que vão integrar o repertório do CD de inéditas que a artista lança neste ano de 2010. Entre elas, parcerias com Alice Ruiz (Nosso Presente) e o poeta ArrudA (Olhos de Chico Buarque e Beijos Longos, esta composta também com Jerry Espíndola). Em cartaz no Sesc Pinheiros (SP) nesta quarta e quinta-feira, 20 e 21 de janeiro, o show Finalmente põe Alzira no palco com Ney Matogrosso (visto acima com a cantora na foto de Carol Mendonça). O cantor - que desde 1999 grava músicas de Alzira - abriu uma brecha na agenda da turnê nacional do show Beijo Bandido para participar das duas sessões de Finalmente. Ney vai cantar com Alzira composições como Bomba H, Transpiração e Existem Coisas na Vida - todas já gravadas por ele - e tema da lavra de Itamar Assumpção (1949 - 2003), entre outras músicas.

7 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Alzira E - atual nome artístico da cantora e compositora Alzira Espíndola - mostra no show Finalmente músicas inéditas que vão integrar o repertório do CD de inéditas que a artista lança neste ano de 2010. Entre elas, parcerias com Alice Ruiz (Nosso Presente) e o poeta ArrudA (Olhos de Chico Buarque e Beijos Longos, esta composta também com Jerry Espíndola). Em cartaz no Sesc Pinheiros (SP) nesta quarta e quinta-feira, 20 e 21 de janeiro, o show Finalmente põe Alzira no palco com Ney Matogrosso (visto acima com a cantora na foto de Carol Mendonça). O cantor - que desde 1999 grava músicas de Alzira - abriu uma brecha na agenda da turnê nacional do show Beijo Bandido para participar das duas sessões de Finalmente. Ney vai cantar com Alzira composições como Bomba H, Transpiração e Existem Coisas na Vida - todas já gravadas por ele - e tema da lavra de Itamar Assumpção (1949 - 2003), entre outras músicas.

20 de janeiro de 2010 11:11  
Anonymous Adécio Virginio said...

Olá Mauro,
Estarei hj neste show. Estou super ancioso. Amanhã contarei como foi.
Abraços

20 de janeiro de 2010 15:30  
Anonymous Adécio Virginio said...

Olá Mauro,
O show foi boom. Confesso que prefiro a Alzira como compositora. Em relação a participação do Ney, sem comentários. Simplesmente extraordinário!!! Ele participa em praticamente 50% do show, canta algumas músicas sozinho e outras em parceria com a Alzira. Esta visto. Valeu.

21 de janeiro de 2010 00:37  
Blogger Laila Guilherme said...

Ney tem uma voz maravilhosa, Alzira dá seu recado e a banda também é excelente, assim como os arranjos. Apesar disso, achei o show pra lá de morno, num Sesc Pinheiros que frequento muito e que nunca vi tão cheio! Quem sabe hoje "esquenta" mais?

21 de janeiro de 2010 11:31  
Anonymous Anônimo said...

Fico danado com essa mania desse povo mudar de nome. Acho a Alzira ESPÍNDOLA muito bacana, mas alguém imagina a Gal Costa mudar de nome? A Marisa Monte? A Elba Ramalho? Será que é tão difícil entender que nome é uma marca que identifica um artista? Depois reclamam que a carreira não engrena.

21 de janeiro de 2010 18:17  
Blogger codigoacesso said...

Fui nesse show no Sesc Pinheiros, mas foi uma decepção total, com a antipatia da Alzira, que nem boa noite deu a platéia, e nem apresentou os músicos, que show chato, só melhorou do meio pra frente com a participação do Ney, mas achei o show muito mal ensaiado... uma pena..tinha tudo pra ser um grande espetáculo.

23 de janeiro de 2010 14:56  
Anonymous Anônimo said...

Alzira é uma compositora espetacular e artista de fortíssima personalidade. Maravilhoso Ney ter participado e interpretando apenas músicas dela. Não é um show fácil. O recado poético é forte , direto e sem concessões.

25 de janeiro de 2010 13:41  

Postar um comentário

<< Home