20 de novembro de 2009

'Beat Iú' põe grooves atuais em ritmos do Norte

A voz do paraense Marco André já ganhou projeção nacional em 1990 quando sua regravação de Meu Bem, Meu Mal - canção de Caetano Veloso, lançada por Gal Costa em 1981 - foi escolhida para ser o tema de abertura da novela do mesmo nome, exibida pela Rede Globo. Naquele ano de 1990, o cantor chegou a lançar um álbum, Olhar e Segredo. Contudo, sua carreira fonográfica não teve continuidade. André somente voltou a chamar a atenção - já no universo musical indie - quando iniciou um trabalho de fusão dos ritmos do Norte do Brasil com a linguagem pop eletrônica. Esse trabalho rendeu os CDs Amazonia Groove (2004) e Beat Iú (2007), bases do DVD Beat Iú ao Vivo, lançado pelo cantor de Belém (PA) neste ano de 2009. O DVD foi gravado em 29 de julho de 2008 em show feito no Polo Cine & Vídeo, no Rio de Janeiro (RJ), a cidade que abriga André há 23 anos. Roberto Talma e Jodele Larcher assinam a direção do caprichado vídeo. No roteiro, dominado por temas autorais, há Abaluaiê - tema do compositor paraense Waldemar Henrique (1905 - 1995) - e Pescador, carimbó da lavra de Mestre Lucindo (1908 - 1988). E ainda Por Causa de Você Menina (Jorge Ben Jor).

4 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

A voz do paraense Marco André já ganhou projeção nacional em 1990 quando sua regravação de Meu Bem, Meu Mal - canção de Caetano Veloso, lançada por Gal Costa em 1981 - foi escolhida para ser o tema de abertura da novela do mesmo nome, exibida pela Rede Globo. Naquele ano de 1990, o cantor chegou a lançar um álbum, Olhar e Segredo. Contudo, sua carreira fonográfica não teve continuidade. André somente voltou a chamar a atenção - já no universo musical indie - quando iniciou um trabalho de fusão dos ritmos do Norte do Brasil com a linguagem pop eletrônica. Esse trabalho rendeu os CDs Amazonia Groove (2004) e Beat Iú (2007), bases do DVD Beat Iú ao Vivo, lançado pelo cantor de Belém (PA) neste ano de 2009. O DVD foi gravado em 29 de julho de 2008 em show feito no Polo Cine & Vídeo, no Rio de Janeiro (RJ), a cidade que abriga André há 23 anos. Roberto Talma e Jodele Larcher assinam a direção do caprichado vídeo. No roteiro, dominado por temas autorais, há Abaluaiê - tema do compositor paraense Waldemar Henrique (1905 - 1995) - e Pescador, carimbó da lavra de Mestre Lucindo (1908 - 1988). E ainda Por Causa de Você Menina (Jorge Ben Jor).

20 de novembro de 2009 10:10  
Anonymous Anônimo said...

O Pará ainda precisa de alguém consiga transportar toda riqueza sonora da Amazônia para o pop MPB contemporâneo Ainda não temos o nosso Chico Cezar, nosso Zeca Baleiro,. nosso Lenine, um Moska, no Chico Science, nem um Alceu Valença no Tucupi. Torçamos pra que Marco André faça o Pará se precebido pela modernidade

21 de novembro de 2009 13:50  
Anonymous Anônimo said...

Marco é muito bom de palco. DVD primoroso! Espetáculo!

23 de novembro de 2009 23:34  
Anonymous Mariah Urtigen said...

Marco André tem carisma pra grandes platéias. Seduz, sacode, encanta!

25 de novembro de 2009 22:55  

Postar um comentário

<< Home