27 de maio de 2009

Ana põe voz tamanha a favor de Força Estranha

Itaú Brasil Elas Cantam Roberto - Divas
Artista: Ana Carolina
Foto: Mauro Ferreira
Cotação: * * * *

Favorecida por um dos mais ousados arranjos do show Elas Cantam Roberto, a interpretação de Ana Carolina para Força Estranha (1978) foi um dos pontos altos do espetáculo realizado no Theatro Municipal de São Paulo (SP) na noite de 26 de maio de 2009. A canção de Caetano Veloso ganhou outra pulsação rítmica - calcada na bateria - e a intérprete pôs sua voz tamanha com a intensidade permitida pela letra. Foi merecidamente ovacionada!!

17 Comments:

Anonymous Hugo said...

intensidade = gritaria, Mauro?

27 de maio de 2009 08:00  
Anonymous Anônimo said...

Pra variar deve ter sido aquela gritaria...

27 de maio de 2009 09:53  
Blogger .Carol Medeiros. said...

Ana Carolina cantando Força estranha ficou muito lindo.
Adorei a interpretação dela.

Ficou perfeita!Aposto que esse desinformado que criticou sequer assistiu o show.
¬¬'

Foi maravilhoso! *-*

27 de maio de 2009 13:43  
Anonymous Anônimo said...

Maravilhosa!!!!!
Grande compositora e CANTORA!

27 de maio de 2009 14:14  
Anonymous Fernando said...

Foi lindo!!!!!!
Cara como essa mulher canta!!!
Sai de lá fã!!!

27 de maio de 2009 17:11  
Blogger Karen said...

é a segunda apresentação que mais quero ver.


diva.

28 de maio de 2009 02:22  
Anonymous Anônimo said...

CANTORA É CANTORA, NÉ NÃO?!

ANA É DAS (POUCAS) LEGÍTIMAS!!!

28 de maio de 2009 08:15  
Anonymous Anônimo said...

Vi hoje no youtube,a mulher arrebentou.
Que voz é aquela?
Maravilhosa!!!!!

28 de maio de 2009 15:48  
Anonymous Vanessinha said...

A melhor apresentação da noite! Mt lindo msm! Quem diz que foi gritaria não entende nada de música. E Ana Carolina sem dúvida é uma das maiores cantoras de todos os tempos!

28 de maio de 2009 17:45  
Anonymous Diogo ! said...

De cara. Não gosto de " Força Estranha " e Ana, só aquela do primeiro album ...

28 de maio de 2009 19:41  
Anonymous Anônimo said...

Não me surpreende. Sou dos que defendem a poderosa voz de Ana que os "não tenho o que fazer ou falar" insistem em associar a grito, berro e outras asneiras.
Fazê o quê ? Ouçam Ivete Sangalo.

28 de maio de 2009 21:34  
Anonymous Regina said...

Achei a interpretação dela exagerada, melodramática demais, como aliás, tudo que essa Ana Carolina faz. Ser intenso não significa ser piegas. A gravação de Gal Costa, de 1979, soa muito mais moderna e atual do que essa chatice de Ana Carolina. Pra mim, ela estragou um clássico c/ seus maneirismos e exageros.

29 de maio de 2009 03:24  
Anonymous Renan said...

Mauro Ferreira elogiou Ana Carolina?

Vou ter que assistir isso saber porquê.

31 de maio de 2009 17:01  
Anonymous Anônimo said...

Nao gostei da interpretação de Ana, gritou muito, ficou cafona. Ela pode fazer melhor

1 de junho de 2009 01:16  
Anonymous Anônimo said...

Perfeita, pra não dizer fenomenal a interpretação de Ana,pra mim, sem sombras de dúvidas, junto com Alcione a melhor da noite.

1 de junho de 2009 02:00  
Blogger Fabiana said...

A potência da voz da Ana, incomoda mta gente. Incrível!!! Mas não se sintam só, tem aí cantoras do porte de Sandy e Luiza Possi. Essas aí, não "gritam" como a Ana, e nem se nascem novamente. Isso, é privilégio de poucas... Mas, acho q elas gostariam, e como!!!
Ana Carolina, Grande!!!!

1 de junho de 2009 22:00  
Anonymous Anônimo said...

Sinceramente, ficou pavorosa essa cover. Eu, que nunca gostei dela, agora gosto menos ainda. Quem conhece essa música na voz da Gal não pode deixar de ficar desapontado com este sacrilégio...

3 de novembro de 2009 16:47  

Postar um comentário

<< Home