25 de setembro de 2010

'Transe' é a novidade do roteiro do show 'Ária'

Música lançada por Djavan no álbum Lilás (1984), nunca cantada em shows pelo compositor, Transe é a novidade do roteiro do novo show do artista, Ária, cuja turnê nacional estreou na casa Credicard Hall, em São Paulo (SP), na noite de 24 de setembro de 2010. Nos 22 números do roteiro, Djavan - visto no post em foto de Mauro Ferreira - alinha sucessos sempre obrigatórios em suas apresentações (Lilás, Sina, Samurai, Flor de Lis, Oceano) com nove das 12 músicas que gravou no recém-lançado CD Ária, seu primeiro disco como intérprete de repertório alheio. Eis o roteiro seguido por Djavan na (excelente) estreia nacional do show Ária:
1. Treze de Dezembro (Luiz Gonzaga e Zé Dantas)
2. Seduzir (Djavan)
3. Eu te Devoro (Djavan)
4. Lambada de Serpente (Djavan e Cacaso)
5. Sabes Mentir (Othon Russo)
6. Oração ao Tempo (Caetano Veloso)
7. Nada a nos Separar (Wayne Shanklin em versão de Romeo Nunes)
8. Faltando um Pedaço (Djavan)
9. Disfarça e Chora (Cartola e Dalmo Castello)
10. Brigas Nunca Mais (Tom Jobim e Vinicius de Moraes)
11. Fly me to the Moon (Bart Howard)
12. La Noche (Enrique Heredia Carbonell e Juan Jose Suarez Escobar)
13. Oceano (Djavan)
14. Palco (Gilberto Gil)
15. Transe (Djavan)
16. Fato Consumado (Djavan)
17. Flor de Lis (Djavan)
18. Linha do Equador (Djavan e Caetano Veloso)
19. Samurai (Djavan)
20. Sina (Djavan)
21. Pétala (Djavan) - bis
22. Lilás (Djavan) - bis

4 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Música lançada por Djavan no álbum Lilás (1984), nunca cantada em shows pelo compositor, Transe é a novidade do roteiro do novo show do artista, Ária, cuja turnê nacional estreou na casa Credicard Hall, em São Paulo (SP), na noite de 24 de setembro de 2010. Nos 22 números do roteiro, Djavan - visto no post em foto de Mauro Ferreira - alinha sucessos sempre obrigatórios em suas apresentações (Lilás, Sina, Samurai, Flor de Lis, Oceano) com nove das 12 músicas que gravou no recém-lançado CD Ária, seu primeiro disco como intérprete de repertório alheio. Eis o roteiro seguido por Djavan na (excelente) estreia nacional do show Ária:
1. Treze de Dezembro (Luiz Gonzaga e Zé Dantas)
2. Seduzir (Djavan)
3. Eu te Devoro (Djavan)
4. Lambada de Serpente (Djavan)
5. Sabes Mentir (Othon Russo)
6. Oração ao Tempo (Caetano Veloso)
7. Nada a nos Separar (Wayne Shanklin em versão de Romeo Nunes)
8. Faltando um Pedaço (Djavan)
9. Disfarça e Chora (Cartola e Dalmo Castello)
10. Brigas Nunca Mais (Tom Jobim e Vinicius de Moraes)
11. Fly me to the Moon (Bart Howard)
12. La Noche (Enrique Heredia Carbonell e Juan Jose Suarez Escobar)
13. Oceano (Djavan)
14. Palco (Gilberto Gil)
15. Transe (Djavan)
16. Fato Consumado (Djavan)
17. Flor de Lis (Djavan)
18. Linha do Equador (Djavan e Caetano Veloso)
19. Samurai (Djavan)
20. Sina (Djavan)
21. Pétala (Djavan)
22. Lilás (Djavan)

25 de setembro de 2010 10:14  
Blogger Renato Vieira said...

Mauro, Lambada de Serpente tem letra do Cacaso.

25 de setembro de 2010 10:34  
Blogger Luca said...

Ele não cantou valsa brasileira no show?!!!!!!

25 de setembro de 2010 10:55  
Blogger Mauro Ferreira said...

Grato, Renato, por mais uma valiosa colaboração.

Luca, Djavan cantou na estreia o que está relacionado no roteiro. abs, MauroF

25 de setembro de 2010 10:59  

Postar um comentário

<< Home