12 de maio de 2009

Coletânea reafirma a genialidade de Ray Charles

Resenha de CD
Título: Genius - The
Ultimate Collection
Artista: Ray Charles
Gravadora: Universal
Music
Cotação: * * * * *

Difícil mensurar a importância de Ray Charles (1930 - 2004) na música norte-americana. Não será uma simples coletânea que dará conta de resumir a obra de um artista que fez jus ao adjetivo de gênio. Esta compilação que a gravadora Universal Music está editando no Brasil - lançada no exterior para marcar os cinco anos da morte de Ray - reafirma a genialidade do cantor através da reunião de 21 gravações lançadas entre 1955 e 1972. Apesar de trazer texto sobre a trajetória do artista e comentários precisos e informativos sobre cada um dos 21 fonogramas, Genius - The Ultimate Collection nada tem a dizer para quem já conhece a obra do astro. Mas se impõe como essencial cartão-de-visitas para quem quer se iniciar no rico universo de Ray, artista envolvido na gênese da soul music e na remodelação da música country. Com a pureza de quem bebeu nas fontes límpidas do blues e do r & b, Ray Charles era genial até quando pisava em terreno pop. E, nessa seara, o cover de Yesterday (John Lennon e Paul McCartney), feito em 1967, é exemplar. Mas qualquer palavra é insuficiente para traduzir a força da música e da voz que tocava a alma. Resta saber, então, que a compilação rebobina gravações como Hit the Road Jack (1961), I Can't Stop Loving You (1962), Unchain my Heart (1961), You Don't Know me (1962) e Georgia on my Mind (1960), entre outros fonogramas capazes de convencer até um ouvinte menos informado de que Ray Charles foi gênio. Viva Ray!!

1 Comments:

Anonymous Josué said...

coletânea é para fã leigo. queria os álbuns originais!

12 de maio de 2009 17:31  

Postar um comentário

<< Home