18 de agosto de 2010

Milton batiza álbum com tema seminal de 1965

Eis a capa do próximo álbum de Milton Nascimento, ... E a Gente Sonhando, nas lojas em setembro. Trata-se do disco em que o compositor faz conexões com artistas de Três Pontas (MG), a cidade mineira onde foi criado. A faixa-título é música de 1965, a primeira de Milton a ganhar registro em disco (pelo Tempo Trio, numa gravação instrumental). O álbum ... E a Gente Sonhando celebra os 45 anos de carreira fonográfica de Milton Nascimento.

18 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Eis a capa do próximo álbum de Milton Nascimento, ... E a Gente Sonhando, nas lojas em setembro. Trata-se do disco em que o compositor faz conexões com artistas de Três Pontas (MG), a cidade mineira onde foi criado. A faixa-título é música de 1965, a primeira de Milton a ganhar registro em disco (pelo Tempo Trio, numa gravação instrumental). O álbum ... E a Gente Sonhando celebra os 45 anos de carreira fonográfica de Milton Nascimento.

18 de agosto de 2010 10:10  
Anonymous Leandro/RJ said...

Linda capa!

18 de agosto de 2010 10:10  
Anonymous Anônimo said...

Adorei a capa. Milton sempre arrebentando. Qual o repertório Mauro??

18 de agosto de 2010 10:23  
Blogger Carlos Cardoso said...

Ancioso por esta perola!!

18 de agosto de 2010 11:14  
Blogger Crys Marques said...

Estarei no show de estréia em Três Pontas mês que vem! Não vejo a hora! Milton é Milton!

18 de agosto de 2010 12:24  
Anonymous Anônimo said...

Eu estou um pouco mais ANSIOSO...

18 de agosto de 2010 12:32  
Anonymous Marques said...

Que capa linda! Tô muito ansioso, mas será que vão ter muitas regravações de músicas do Milton? tem um vídeo no canal oficial dele no youtube com "Me faz bem", que já foi gravada pela Gal Costa.

18 de agosto de 2010 17:01  
Anonymous Anônimo said...

"...E a Gente Sonhando" é uma canção lindíssima. Adoro as duas versões gravadas pela Alaíde Costa.

18 de agosto de 2010 17:09  
Blogger Rener Melo said...

Linda esta capa!
Querendo saber o repertório.. Se a resenha deste for boa, comprarei!

18 de agosto de 2010 17:16  
Anonymous Anônimo said...

Amigos eu trabalho para o Milton Nascimento(escritório), está tudo muito lindo de ouvir!!!

18 de agosto de 2010 18:23  
Anonymous Roberto Murilo said...

Pelo visto os novos da MPB tem que disputar o espaço com aqueles que já são eternos. Depois dos novos discos de Dori e Edu, chegam Ivan Lins e Milton. Estou interessado no repertório do Milton, pois tem muitas músicas antigas dele que não são muito conhecidas e merecem uma segunda chance.

18 de agosto de 2010 21:14  
Anonymous Anônimo said...

Engrossando o coro dos contentes: capa linda, mesmo!

18 de agosto de 2010 21:35  
Anonymous Anônimo said...

Quem foi o artista responsável por esta capa? Muito Linda!

18 de agosto de 2010 21:57  
Blogger Amigos das Bibliotecas said...

Tá me cheirando o CD do ano!!!

18 de agosto de 2010 22:15  
Blogger Flávio Voight said...

Lendo direto na capa, parecia estar escrito "e a gente sambando...". Caligrafia é tudo.

19 de agosto de 2010 12:25  
Blogger ................ said...

Oi Mauro, tudo bem?

Aqui é a Maria Dolores, autora da biografia do Milton Nascimento (você escreveu sobre o livro, em 2006). Então, o Milton vai lançar esse novo disco em um evento que a gente faz na terra dele (e minha, somos conterrâneos), Três Pontas, sul de Minas. Será no show dele durante o Festival Música do Mundo, que tem ainda o Gilberto Gil, Wagner Tiso, Jorge Vercillo, Celso Blues Boy, Sá & Guarabyra, Mallu Magalhães, entre outros, além do cubano Pablo Milanés (ele o Milton não sobem num mesmo palco desde a década de 80, será um lindo reencontro, ainda mais porque o palco é erguido no meio de um pasto, com cafezal e pôr do sol). Bom, eu queria te enviar um material sobe o festival, que se chama www.festivalmusicadomundo.com.br e acontece de 8 a 12 de setembro. Tem algum e-mail para o qual eu possa enviar?

Um abraço e obrigada,

Maria
maria@maroloproducoes.com.br

19 de agosto de 2010 13:23  
Blogger miltonlima said...

Olá,

Meu nome é Milton Lima, sou o responsável pela capa do disco.

Gostaria de antemão de agradecer os elogios sobre a capa.

Obrigado
Milton Lima
miltonlimamotion@gmail.com

20 de agosto de 2010 23:59  
Anonymous Gabriel de Sá said...

Caro Mauro,
Acho que você esté enganado em relação aos 45 anos de carreira fonográfica. O primeiro álbum de Bituca é de 67. Logo, seriam 43 anos. Certo? Se considerarmos o Barulho de Trem, gravado em 1964, seriam 66 anos.

23 de agosto de 2010 14:38  

Postar um comentário

<< Home