26 de fevereiro de 2010

RoRo e Ana voltam unir vozes quentes no palco

Em 3 de dezembro de 2008, ao fazer show no Canecão (RJ), Ângela RoRo recebeu Ana Carolina como convidada. Juntas, as cantoras uniram suas gargantas intensas em quatro números (clique aqui para ler a resenha desse show). Encontro bisado no recém-lançado projeto de duetos da intérprete de Garganta - Ana Car9lina + Um, editado em CD e DVD dentro da série Multishow Registro - e na segunda das duas apresentações do show Escândalo, feitas por RoRo esta semana no Teatro Rival (RJ). No show de ontem, 25 de fevereiro de 2010, RoRo reeditou com Ana dois dos quatro duetos feitos no Canecão. De início, RoRo e Ana - vistas acima em fotos cedidas por Marcelo Fróes - cantaram o tango pop Homens e Mulheres em dueto caloroso e vibrante, ainda que eventualmente desentrosado. À vontade, as cantoras forjaram toda uma atmosfera de sedução que valorizou o número. No fim, Compasso - uma das poucas músicas realmente boas do homônimo álbum de inéditas que RoRo lançou em 2006 - pulsou quente nas vozes das cantoras. Entusiasmado, o público aplaudiu o encontro, "uma brincadeira entre artistas", na definição sincera de RoRo. Escândalo, o show, ganhou tal título porque RoRo quis badalar o recente lançamento do CD do mesmo nome, produzido por Marcelo Fróes com a reunião de gravações feitas pela intérprete para a temporada de 2005 do programa - também intitulado Escândalo - que a cantora apresentou no Canal Brasil.

11 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Em 3 de dezembro de 2008, ao fazer show no Canecão (RJ), Ângela RoRo recebeu Ana Carolina como convidada. Juntas, as cantoras uniram suas gargantas intensas em quatro números (clique aqui para ler a resenha desse show). Encontro bisado no recém-lançado projeto de duetos da intérprete de Garganta - Ana Car9lina + Um, editado em CD e DVD dentro da série Multishow Registro - e na segunda das duas apresentações do show Escândalo, feitas por RoRo esta semana no Teatro Rival (RJ). No show de ontem, 25 de fevereiro de 2010, RoRo reeditou com Ana dois dos quatro duetos feitos no Canecão. De início, RoRo e Ana - vistas acima em fotos cedidas por Marcelo Fróes - cantaram o tango pop Homens e Mulheres em dueto caloroso e vibrante, ainda que eventualmente desentrosado. À vontade, as cantoras forjaram toda uma atmosfera de sedução que valorizou o número. No fim, Compasso - uma das poucas músicas realmente boas do homônimo álbum de inéditas que RoRo lançou em 2006 - pulsou quente nas vozes das cantoras. Entusiasmado, o público aplaudiu o encontro, "uma brincadeira entre artistas", na definição sincera de RoRo. Escândalo, o show, ganhou tal título porque RoRo quis badalar o recente lançamento do CD do mesmo nome, produzido por Marcelo Fróes com a reunião de gravações feitas pela intérprete para a temporada de 2005 do programa - também intitulado Escândalo - que a cantora apresentou no Canal Brasil.

26 de fevereiro de 2010 09:43  
Anonymous otto said...

Fico imensamente feliz q Rorô esteja de volta à cena.
Uma das grandes cantoras brasileiras (sua voz é vinho tinto do melhor) e uma compositora maravilhosa, Ângela se faz urgente e necessária.

26 de fevereiro de 2010 11:04  
Anonymous Anônimo said...

Angela dá um banho de talento em muita novata hoje em dia. Ela tem que voltar com força total e com material inédito. Chega de revival!!!

26 de fevereiro de 2010 11:42  
Anonymous Anônimo said...

ÂNGELA RORÔ NA VEIA......JÁÁÁÁ!!!

26 de fevereiro de 2010 12:09  
Anonymous Rhenan said...

Muito bom, a Ana e a RoRô já havian se encontrado tbm na turnê "dois quartos" da Ana, no HSBC/SP numa particípação incrível, introsamento total. Tem vídeo no site oficial da Ana Carolina!
.
Muito Bom! Amo a Ana, adoroo a RoRô. Qro muito q ela ande o Brasil inteiro! o/

26 de fevereiro de 2010 14:37  
Anonymous Heleninha Costa e Silva said...

Adorei Ana se lembrar (de novo) da Ângela.
Ângela tem uma voz rarézima, quente, toda garganta e veias. Puro sangue. Amo.

Ouço direto em meu ipod. Suas canções dos 70/80 são imbativeis. Verdadeiros torpedos musicais. Bethania se beneficiou muito desta fonte. Fez bem.

Quero Ângela sempre por perto. Alem de excelente artista é anacrônica, irreverente, sacadérrima, totalmente hype, atemporal, gostosa, sensual, moleca, procaz, debochada, inteligente, ágil, vibrante, um escândalo; o verdadeiro escândalo.

Pena não estar no Rio pra me jogar nessa deusa.
Ana tem muito o q usufruir da vibe de Ângela. E as vozes de ambas têm a ver (conferi no CD da mineira).

Ângela, darling, vc é apenas o máximo! AINDA.

26 de fevereiro de 2010 17:05  
Blogger Carla Ayres said...

Ro Rô é otima!!
visite meu blog tbm que tem comentarios sobre ela...

http://nadamaisquedevaneios.blogspot.com/
Abraços!

26 de fevereiro de 2010 22:08  
Anonymous Anônimo said...

Angela Rôrô, quem conhece sabe do que se trata.

Joia muito rara. Toda 2010. Viva Rorô!
Viva talento de verdade. Voz de verdade. Composições q ultrapassam a estação...

Esta é 1000!!!!!!!

27 de fevereiro de 2010 00:00  
Anonymous Lu Velloso said...

Depois do comentario de Heleninha fiquei sem adjetivos, mas reitero, então, estes comentários e acrescento a importância de Rorô em termos de autenticidade, atitude, fidelidade a si mesma, que contribuiu para a saúde mental de muita gente (mesmo q a dela estivesse indo pro ralo).
Rorô durante muito tempo viveu aquela máxima:'Hei de fazer da minha, uma vida grande, mesmo que seja o meu corpo a lenha desse fogo'.
Sóbria como só os gênios loucos podem ser, a sapeca sacou há tempo q tava na hora de dar uma geral em si mesma e se recolocou fisicamente sem, entretanto, perder o tom do seu barato.

Me Acalmo Danando, Gota de Sangue, Amor Meu Grande Amor, Berenice, Vá Embora (MARAVILHOSA!), Só Nos Resta Viver (HINO), Armagedon, Gata, Ninfa, Fogueira, etc, etc, etc, são apenas atemporais, imortais, geniais.

Ana Carolina tá na dela, século XXI, bonita, esperta, e muito disso se deve a gente como Rorô, Caetano, Gil, Bethânia, Ney, Rita e outros tantos que prepararam o terreno anos atrás para q hj todo mundo pudesse deitar na grama.

Ângela Rorô a gente não aplaude de pé pq ela acharia careta mas a gente faz muito barulho só de vê-la passar. Deslumbranteeeeee!!!!!

27 de fevereiro de 2010 08:35  
Blogger Honrado Principe dos Ares Secos said...

Gosto mto da Angela Roro, adoro o lado sensivel e romantico como tb seu lado sincero, franco e escrachado. Ela tem personalidade, talento e voz.

27 de fevereiro de 2010 09:24  
Anonymous Anônimo said...

Angela é de uma geração de cantoras e compositoras talentosas e não essa avalanche de cantoras sem graça e metidas a cool que nós estamos vendo nos últimos anos. Fátima Guedes, Joanna, Zizi Possi, Zeze Motta, Marina , Olivia Byington são só alguns exemplos... Época de talentos verdadeiros...

27 de fevereiro de 2010 12:48  

Postar um comentário

<< Home