11 de janeiro de 2010

Beyoncé domina a parada radiofônica de 2009

De acordo com um relatório do instituto Crowley, que monitora as execuções em rádio no Brasil, Halo - composição gravada por Beyoncé no álbum I Am... Sasha Fierce (2008) - foi a música mais ouvida nas rádios brasileiras em 2009, tendo totalizado 24.734 execuções ao longo do ano passado. Detalhe: por conta das 16.068 execuções de If I Were a Boy, a cantora também figura no quarto lugar do Top Ten do rádio nacional em 2009. Eis a lista:

1º: Halo, Beyoncé (Sony Music) - 24.734 execuções
2º: Chora, me Liga, João Bosco & Vinícius (Sony Music) - 18.284

execuções
3º: Mad, NE-YO (Universal Music) – 17.691 execuções
4º: If I Were a Boy, Beyoncé (Sony Music) – 16.859 execuções
5º: Borboletas, Victor & Leo (Sony Music) – 16.244 execuções
6º: Agenda, Ornella di Santis (com Belo) (UM Music) – 16.068

execuções
7º : Versos Simples, Chimarruts (EMI Music) – 15.935 execuções
8º: I'm Yours, Jason Mraz (Warner Music) – 15.823 execuções
9º : Deus e Eu no Sertão, Victor & Leo (Sony Music) – 14.935

execuções
10º: Hush Hush, The Pussycat Dolls (Universal Music) - 14.893

execuções

9 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

De acordo com um relatório do instituto Crowley, que monitora as execuções em rádio no Brasil, Halo - composição gravada por Beyoncé no álbum I Am... Sasha Fierce (2008) - foi a música mais ouvida nas rádios brasileiras em 2009, tendo totalizado 24.734 execuções ao longo do ano passado. Detalhe: por conta das 16.068 execuções de If I Were a Boy, a cantora também figura no quarto lugar do Top Ten do rádio nacional em 2009. Eis a lista:

1º: Halo, Beyoncé (Sony Music) - 24.734 execuções
2º: Chora, me Liga, João Bosco & Vinícius (Sony Music) - 18.284
execuções
3º: Mad, NE-YO (Universal Music) – 17.691 execuções
4º: If I Were a Boy, Beyoncé (Sony Music) – 16.859 execuções
5º: Borboletas, Victor & Leo (Sony Music) – 16.244 execuções
6º: Agenda, Ornella di Santis (com Belo) (UM Music) – 16.068
execuções
7º : Versos Simples, Chimarruts (EMI Music) – 15.935 execuções
8º: I'm Yours, Jason Mraz (Warner Music) – 15.823 execuções
9º : Deus e Eu no Sertão, Victor & Leo (Sony Music) – 14.935
execuções
10º: Hush Hush, The Pussycat Dolls (Universal Music) - 14.893
execuções

11 de janeiro de 2010 17:36  
Anonymous Anônimo said...

Que tristeza essa lista... Dá vontade de se mudar pra Marte...

11 de janeiro de 2010 20:12  
Blogger André Luís said...

É por isso que não ouço rádio... Ler essa lista dá uma tristeza, desespero, agonia, raiva, decepção. Meu Deus, onde vamos parar na Música?! Não quero nem imaginar!

11 de janeiro de 2010 23:38  
Blogger Vladimir said...

Que tristeza essa lista... Dá vontade de se mudar pra Marte... [2]

11 de janeiro de 2010 23:53  
Blogger Seo Zé, said...

Que tristeza essa lista... Dá vontade de se mudar pra Marte... [3]

12 de janeiro de 2010 12:38  
Anonymous Anônimo said...

Pior quer as músicas são os clipes. Todos iguais, com umas coreografias esquisitas e Beyoncé berrando o tempo todo. Só muda a roupa e o cabelo (que, óbviamnente está sempre liso e loiro).

12 de janeiro de 2010 13:20  
Anonymous Anônimo said...

Hoje em dia quem ouve rádio, com intuito musical, é otário.

13 de janeiro de 2010 00:14  
Blogger Sandro CS said...

Essa lista realmente é um horror.
Vendo a lista das 100 mais tocadas por região e 100 mais vendidos no Brasil pela ótima revista Billboard (edição brasileira), fiquei abismado por não conhecer pelo menos 50% dos nomes nacionais ali constantes.
Procurando saber por aí, vi que há uma onda de "sertanejo-universitário" (????)assolando as paradas, especialmente capitaneadas pela Som Livre, dona de quase todo o catálogo.
Em outras palavras, o velho jabá está cada vez mais forte na mídia.
Pobre país, cuja cultura musical esteja sendo nivelada tão por baixo...

13 de janeiro de 2010 15:35  
Anonymous Anônimo said...

Quem disse que Beyoncé está sempre com o cabelo liso e loiro e que só grita e dança em todos os clipes deveria ver e ouvir If I Were A Boy. Só pra começar. Insuportável esses que só vão pelos estereótipos. Não conhece a obra do cantor(a) a fundo, melhor ficar calado.

13 de janeiro de 2010 20:04  

Postar um comentário

<< Home