20 de novembro de 2009

'Vinis Mofados' extrai poesia do mundo do disco

Com título que cita Morangos Mofados, uma obra-prima do escritor Caio Fernando Abreu (1948 - 1996), o poeta Ramon Mello extrai poesia do mundo do disco em Vinis Mofados, seu primeiro livro de poemas, recém-lançado pela editora Língua Geral. A ideia foi passar o sentimentalismo das relações amorosas - matéria-prima da música popular - pelo filtro do humor e da ironia. Sempre com referências a jargões do meio fonográfico, alguns da época dos LPs. Não por acaso, o livro está dividido em Lado A e Lado B. Entre os 70 poemas, alguns evocam o universo do disco já nos títulos (Faixa 4, Bônus Tracks, Phono - 00, Faixa Arranhada, Hidden Tracks, Single, MP4 Player). Vinis Mofados oferece poesia urbana como a música que inspira o autor em seus 25 anos.

4 Comments:

Anonymous Beth said...

se a poesia for tão inspiradora quanto a capa do livro, temos um poeta de responsa.
Beth, MG

20 de novembro de 2009 09:34  
Anonymous Jorge said...

se tiver um décimo da inspiração do caio, já tá bom

20 de novembro de 2009 16:00  
Anonymous Helenice Campos said...

Saiu uma matéria de capa no EStadão com este poeta, falando muito bem do livro. Estou curioso, mas ainda não achei aqui em Goiania.

21 de novembro de 2009 02:35  
Anonymous Anônimo said...

SE SAÍSSE UM LP PRA SER COMERCIALIZADO JUNTO COM O LIVRO SERIA MARAVILHOSO!!
ADORO VINIL, TENHO MILHARES, OUÇO TODOS, COMPRO E ME AMARRO, O SOM DO VINIL É MARAVILHOSO, PRA QUEM CONHECE À FUNDO É CLARO, NÃO PRA QUEM TEM 3 EM 1 EM CASA!!!

23 de novembro de 2009 12:15  

Postar um comentário

<< Home