24 de outubro de 2009

Arnaldo filma apresentação carioca de 'Iê Iê Iê'

Ao voltar ao palco do Circo Voador (RJ) para fazer o segundo bis da consagradora estreia carioca da turnê nacional do show Iê Iê Iê, na madrugada de 24 de outubro de 2009, Arnaldo Antunes não repetiu aleatoriamente as músicas Longe e Sim ou Não depois de incendiar o público ao reviver O Pulso e Fora de Si. Como revelou a esse público, as duas musicas tinham mesmo que ser refeitas. É que o titã do iê iê iê - visto acima em foto de Mauro Ferreira - filmou toda a apresentação carioca do show. Em tese, reiterada pela assessoria do artista, a gravação foi feita para o arquivo pessoal de Arnaldo, mas o cuidado de repetir as duas músicas e o aviso posto na entrada do Circo Voador - que advertia o público de que seria feita uma filmagem e de que, ao entrar na casa, o espectador naturalmente consentia no uso de sua imagem - sinalizam que o registro do show carioca provavelmente vai ser utilizado no próximo DVD de Arnaldo Antunes. Quem viver verá...

2 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Ao voltar ao palco do Circo Voador (RJ) para fazer o segundo bis da consagradora estreia carioca da turnê nacional do show Iê Iê Iê, na madrugada de 24 de outubro de 2009, Arnaldo Antunes não repetiu aleatoriamente as músicas Longe e Sim ou Não depois de incendiar o público ao reviver O Pulso e Fora de Si. Como revelou a esse público, as duas musicas tinham mesmo que ser refeitas. É que o titã do iê iê iê - visto acima em foto de Mauro Ferreira - filmou toda a apresentação carioca do show. Em tese, reiterada pela assessoria do artista, a gravação foi feita para o arquivo pessoal de Arnaldo, mas o cuidado de repetir as duas músicas e o aviso posto na entrada do Circo Voador - que advertia o público de que seria feita uma filmagem e de que, ao entrar na casa, o espectador naturalmente consentia no uso de sua imagem - sinalizam que o registro do show carioca provavelmente vai ser utilizado no próximo DVD de Arnaldo Antunes. Quem viver, verá.

24 de outubro de 2009 18:19  
Anonymous Anônimo said...

Gatinho,
"quem viver verá" não leva vírgula. Não se separa sujeito de verbo.

beijo,
Ernesto

25 de outubro de 2009 20:51  

Postar um comentário

<< Home