15 de setembro de 2009

Em CD, o encontro caseiro de Amália e Vinicius

Em 1968, o itinerante Vinicius de Moraes (1913 - 1980) tinha decidido passar o Natal em Roma, na Itália. No caminho, foi revisitar Portugal, onde, na noite de 19 de dezembro, teve sua presença celebrada em Lisboa por Amália Rodrigues (1920 - 1999) num sarau realizado na casa da diva fadista, na rua de São Bento, com a presença de vários poetas. Foi uma noite regada a vinho, música e poesia. As duas últimas foram captadas pelo engenheiro de som Hugo Ribeiro através de um microfone escondido numa jarra de flores. A esse registro ao vivo, Amália adicionou algumas gravações de estúdio, inseridas entre as poesias para que se tenha a impressão de que tudo aconteceu na mesma noite. O resultado foi ouvido pelo público em 1970 com a edição do sarau em LP. É a gravação que está sendo editada no Brasil em formato de CD pela gravadora Biscoito Fino. Texto de Jorge Mourinha - reproduzido no encarte - recorda a aventura do registro do sarau. No Brasil, Amália / Vinicius era um título até então raro da vasta discografia do poeta. Biscoito realmente fino...

6 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Em 1968, o itinerante Vinicius de Moraes (1913 - 1980) tinha decidido passar o Natal em Roma, na Itália. No caminho, foi revisitar Portugal, onde, na noite de 19 de dezembro, teve sua presença celebrada em Lisboa por Amália Rodrigues (1920 - 1999) num sarau realizado na casa da diva fadista, na rua de São Bento, com a presença de vários poetas. Foi uma noite regada a vinho, música e poesia. As duas últimas foram captadas pelo engenheiro de som Hugo Ribeiro através de um microfone escondido numa jarra de flores. A esse registro ao vivo, Amália adicionou algumas gravações de estúdio, inseridas entre as poesias para que se tenha a impressão de que tudo aconteceu na mesma noite. O resultado foi ouvido pelo público em 1970 com a edição do sarau em LP. É a gravação que está sendo editada no Brasil em formato de CD pela gravadora Biscoito Fino. Texto de Jorge Mourinha - reproduzido no encarte - recorda a aventura do registro do sarau. No Brasil, Amália / Vinicius era um título até então raro da vasta discografia do poeta. Biscoito realmente fino...

15 de setembro de 2009 11:17  
Blogger Pedro k. said...

boa tarde,

conheço o registo. É muito divertido.

aconselho, mesmo que nem a MPB nem o Fado sejam a minha praia.

pedro k.
lisboa.
rock-n-brasil.blogspot.com

15 de setembro de 2009 13:15  
Anonymous Anônimo said...

ESSE REGISTRO JA SE ENCONTRA A DISPOSIÇÃO EM CD PELA EDIÇÃO EM PORTUGAL HÁ VARIOS ANOS E AQUI NO BRASIL POR IMPORTADOS. ABRAÇOS

15 de setembro de 2009 15:48  
Anonymous Anônimo said...

Ola Mauro, tudo bem com voce?
Obrigada por dedicar um pouco da sua atenção à música de Portugal.
O registro desse encontro único mais enriquece o já tão precioso catálogo da Biscoito Fino que recentemente editou o belíssimo " Fado Mulato" da fadista Maria João Quadros produzido por Tiago Torres da Silva.É a Biscoito Fino construindo as vias expressas de união entre Portugal e Brasil fazendo mais pela cultura lusófona do que os governantes dos 7 países de língua portuguesa.
Abraço
Eulalia Moreno
São Paulo

15 de setembro de 2009 19:46  
Anonymous Sandro said...

Esse album é lindíssimo! Os segmentos da Amália e do Vinicius são muito bonitos... a voz e dicção da Amália são tão portugueses que até me arrepiam... aquela voz grave tão bem colocada, um luxo!

Confesso é que detesto as risadas da Natalia Correia e as suas leituras de poemas que me soam forçadas e convencidas... é o low point deste album.

Tive a oportunidade de visitar a casa de Amália e é arrepiante entrar na sala dela onde tantos ilustres poetas, cantores, políticos, actores... gentes das artes se passearam.

Parabéns pelo blog por divulgar sons e artistas tão diferentes! :)

Um bem haja!

21 de setembro de 2009 17:38  
Blogger AmaliaPorAmor said...

Convido-o a visitar o blog "Amália Por Amor" onde disponibilizo albums da rainha do fado que não se encontram à venda... os seus comentários são bem vindos, pois valorizo imenso a sua opinião :)

Parabéns pelo blog de elevada qualidade.

5 de maio de 2010 23:00  

Postar um comentário

<< Home