11 de agosto de 2009

CDs, DVD e livros revivem o mito de Woodstock

Faz 40 anos neste mês de agosto de 2009 que uma multidão estimada entre 400 e 500 mil pessoas viveu três lendários dias de música, amor, drogas e lama numa fazenda fazenda situada em Bethel, ao Norte de Nova York (EUA). Faz 40 anos que a Feira de Arte e Música de Woodstock - realizada entre 15 e 17 de agosto de 1969 e mais conhecida como o Festival de Woodstock - entrou para a História do rock. Atentos à efeméride, a indústria do disco e o mercado editorial já estão despejando CDs, DVDs e livros que (re)acendem os mitos de Woodstock. A filial nacional da Warner Music, por exemplo, anunciou nesta terça-feira, 11 de agosto, que as reedições remasterizadas dos álbuns duplos Woodstock Music from The Original Soundtrack and More (1970) e Woodstock Two (1971) vão chegar às lojas do Brasil a partir de 27 de agosto (no exterior, os álbuns foram relançados em junho). Paralelamente, um documentário de 1970, Woodstock - Onde Tudo Começou, ganha edição em DVD com cenas inéditas. Intitulada Woodstock - 3 Dias de Paz, Amor e Música, a chamada versão do diretor (no caso, do diretor Michael Wadleigh) é embalada numa caixa de quatro DVDs. Quanto aos livros, dois novos títulos abordam o festival de formas distintas. Aconteceu em Woodstock, da Editora Agir, enfoca o evento sob a ótica de um dos produtores do evento, Elliot Tiber, um oprimido gay e judeu que alçou voo sob todos os sentidos a partir de Woodstock. Já Woodstock Quarenta Anos Depois, da editora Best-Seller, enfileira depoimentos de todos que se envolveram no festival para (re)acender os mitos sobre aqueles três dias que fizeram História.

1 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Faz 40 anos neste mês de agosto de 2009 que uma multidão estimada entre 400 e 500 mil pessoas viveu três lendários dias de música, amor, drogas e lama numa fazenda fazenda situada em Bethel, ao Norte de Nova York (EUA). Faz 40 anos que a Feira de Arte e Música de Woodstock - realizada entre 15 e 17 de agosto de 1969 e mais conhecida como o Festival de Woodstock - entrou para a História do rock. Atentos à efeméride, a indústria do disco e o mercado editorial já estão despejando CDs, DVDs e livros que (re)acendem os mitos de Woodstock. A filial nacional da Warner Music, por exemplo, anunciou nesta terça-feira, 11 de agosto, que as reedições remasterizadas dos álbuns duplos Woodstock Music from The Original Soundtrack and More (1970) e Woodstock Two (1971) vão chegar às lojas do Brasil a partir de 27 de agosto (no exterior, os álbuns foram relançados em junho). Paralelamente, um documentário de 1970, Woodstock - Onde Tudo Começou, ganha edição em DVD com cenas inéditas. Intitulada Woodstock - 3 Dias de Paz, Amor e Música, a chamada versão do diretor (no caso, do diretor Michael Wadleigh) é embalada numa caixa de quatro DVDs. Quanto aos livros, dois novos títulos abordam o festival de formas distintas. Aconteceu em Woodstock, da Editora Agir, enfoca o evento sob a ótica de um dos produtores do evento, Elliot Tiber, um oprimido gay e judeu que alçou voo sob todos os sentidos a partir de Woodstock. Já Woodstock Quarenta Anos Depois, da editora Best-Seller, enfileira depoimentos de todos que se envolveram no festival para (re)acender os mitos sobre aqueles três dias que fizeram História.

11 de agosto de 2009 17:32  

Postar um comentário

<< Home