10 de junho de 2009

Vanusa volta aos estúdios para regravar Beatles

Há mais de dez anos fora do mercado fonográfico, Vanusa voltou aos estúdios a convite do produtor Marcelo Fróes para pôr sua voz - popularizada nos anos 70 em músicas como Manhãs de Setembro e Sonhos de um Palhaço - em trecho da faixa feita pela banda paulistana Pochete Set para o álbum que vai reunir inéditas regravações da obra composta pelos Beatles em 1969. A música em que Vanusa canta é Sun King, tema de John Lennon (1940 - 1980) cuja letra inclui estrofe em várias línguas que já tinha sido gravada pela cantora em 1975 como citação da faixa-título de seu álbum mais direcionado para a MPB, Amigos Novos e Antigos.

37 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Há mais de dez anos fora do mercado fonográfico, Vanusa voltou aos estúdios a convite do produtor Marcelo Fróes para pôr sua voz - popularizada nos anos 70 em músicas como Manhãs de Setembro e Sonhos de um Palhaço - em trecho da faixa feita pela banda paulistana Pochete Set para o álbum que vai reunir inéditas regravações da obra composta pelos Beatles em 1969. A música em que Vanusa canta é Sun King, tema de John Lennon (1940 - 1980) cuja letra inclui estrofe em várias línguas que já tinha sido gravada pela cantora em 1975 como citação da faixa-título de seu álbum mais direcionado para a MPB, Amigos Novos e Antigos.

10 de junho de 2009 10:30  
Anonymous Anônimo said...

NOTÍCIA MARAVILHOSA !

10 de junho de 2009 10:57  
Anonymous Anônimo said...

Vanusa tinha q gravar um bom cd de MPB.... Ela merece e nós também!

10 de junho de 2009 14:17  
Blogger Adilson Marcelino said...

Adoro essa cantora.
Pena que seja tão subestimada.
Abs

10 de junho de 2009 14:35  
Anonymous Anônimo said...

Este LP Amigos Novos e Antigos é um disco interessantíssimo da Vanusa, que merece uma edição em CD. Há algumas pérolas do cancioneiro da época.
Lamento Vanusa estar fora do mercado. Mais uma que não soube segurar a peteca (e culpa o mercado...)

10 de junho de 2009 15:08  
Anonymous Anônimo said...

Acho-a totalmente brega.

10 de junho de 2009 16:39  
Anonymous Anônimo said...

Joao Bosco e Aldir Blanc devem explicações a Lennon e McCartney por essa citação não-creditada e não-autorizada de Sun King em sua canção.

10 de junho de 2009 18:39  
Anonymous Anônimo said...

Vanusa realmente enfia os pés pelas mãos de vez em quando. Até na Luciana Gimenez já fez barraco apresentando namorado, respondendo 'provocações', etc...assim fica difícil se manter profissionalmente, adquirir prestígio, respeito, etc...
Conheço o disco Amigos Novos e antigos e gosto imenso. Ali está Paralelas e a belíssima canção título.

10 de junho de 2009 20:29  
Anonymous Anônimo said...

Emanuel Andrade disse..

Em meio a um turbilhão de cantrrasZinhas que aparecem na cena nacional de hoje, Vanusa merece respeito pela bagagem e talento. Assim como Joana que tantos a criticam, mas ela nunca negou sua origem. De aftyio hpoa quem a chame de brega. Para mim, pirores sçoa aquelas que se comportam de cults e só se repetem: uma Marisa Monte, Calcanhoto.... Afinal nao se faz mais cantoras como antes. batsa ver que Ivete, Cláudia leite e Joelam são paixão nacional. Ora, Vanusa fazendo Congênito, de Melodia é bem legal. O problema lá atras é que ela se deteve por muito tempo ao palco surreal de Sílvio Santos. Enfoimm, vela cantando manhãs de Setembro, é bem melhor do que suportar uma Ana Carolina gritando o tal Elevador. Mas eu prefiro ouvir as cirandas de Teca Calazans a tudo isso.

10 de junho de 2009 23:16  
Anonymous Anônimo said...

Alguns discos destas cantoras menos prestigiadas mereceriam lançamento em CD pq são antológicos.
Amigos.......da Vanusa, Maravilhosa e Feito Gente, da Wanderléa são apenas exemplos imprescindíveis.

Nem só de Gal, Bethania e Elis vive a música POPULAR brasileira...

11 de junho de 2009 09:58  
Anonymous Anônimo said...

Eu mereço.

11 de junho de 2009 11:55  
Anonymous Anônimo said...

É fato que as "bregas" de hoje como citadas por Emmanuel fazem de Vanusa uma Rainha. Na comparação vira Nana Caymmi.

11 de junho de 2009 12:23  
Anonymous brisa salecco said...

O LP referido registrou a evolução de Vanusa à busca de novos compositores em seu repertório. Estão ali Melodia (Congênito), Belchior (Paralelas, Coração Americano - belíssima), João Bosco e Aldir na canção que dá título ao disco, Milton (Outubro - maravilhosa). Ao lado dos antigos parceiros como Antônio e Mario Marcos.
Vanusa vinha do sucesso retumbante de Manhãs de Setembro (a música de minha infância) e Sonhos de Palhaço.
Foi muito elogiada na época e continuava no primeiríssimo escalão das cantas mais populares (e amadas) do país.
Depois se perdeu, misturou de músicas 'feministas' à Súplica Cearense (evidentemente dissonante de seu universo), e foi rolando ladeira abaixo até ficar completamente despersonalizada no cenário musical.
Quem não conheceu a Vanusa dos anos 70, vanguardista, personalíssima, toda vigor e atitude, pensará que ela foi sempre a artista medíocre que faz ponto sazonal nos programas mais escroques da atual televisão brasileira.
A cantora de minha infância, meu primeiro ídolo, foi importante referência na mulher madura e independente em que me tornei.
Pena que - de certa maneira - ela tenha ficado pelo meio do caminho.
Espero que esta participação no CD dê um up em sua carreira.
Vanusa tem têmpera. Estilo. Estas coisas andam fora do mercado. Precisam voltar.

11 de junho de 2009 13:51  
Anonymous Anônimo said...

Filó disse


Esse anônimo lá em cima seco diz: "Acho-a totalmente brega". Meu caro o que é brega?
Ah Bethania cantar Roberto não é brega? Caetano cantar sonhos e Sozinho não é brega?
Adriana Calcanhoto se derramar horrivelmente em caminhoeiro não é brega. Não passa de caretice esse negócio de brega.
Reginaldo Rossi é brega e todos amam. Zezé de camrago, Victor e Léo são o absurdo da breguice e o Brasil ama.

Ora, canta Vanusa canta

11 de junho de 2009 14:13  
Anonymous Anônimo said...

esta senhora de braços cruzados na foto foi a cantora basileira mais moderna dos seventy
nem sei se faz falta no panorama musical do país mas tem uma trajetória bem interessante (enquanto teve trajetória, evidente)

11 de junho de 2009 14:51  
Anonymous Anônimo said...

Quanta gente preconceituosa... Vanusa´tem valor e merece respeito. A música não se resume a Gal, Bethânia e Marisa Monte. São muitas as cantoras maravilhosas da MPB.

11 de junho de 2009 15:27  
Anonymous Anônimo said...

Prezado Filó, não sou o anônimo do brega, mas não entendi seu argumento. HÁ MUITO TEMPO que o nosso pobre e imediatista público ouvinte só ouve porcaria. A TV (domingo principalmente e à tarde) só colabora. Boa música ? Tem que correr atrás, pesquisar... aí bate a preguiça e vamos - vamos não que eu não! - de m... mesmo. Dá menos trabalho, é fácil de decorar (já notou que música boa não tem aquele refrão pegajoso ?) e nem precisa comprar, chega no vento mesmo e cai diretinho no nosso colo. Eu só ando de guarda-chuva, não vejo programa de TV popularesco, tenho mais de 5.000 discos e NENHUM dos citados por você aí. E continuo comprando.
Algumas dicas: Mônica Salmaso; Sérgio Santos; Tadeu Franco; Paulinho Pedra Azul; Muiza Adnet; Carla Villar; Casuarina; Pena Branca; Aggeu Marques; Affonsinho; Denise Reis; Eveline Hecker e MUITO MAIS TALENTO que, infelizemnte, as porcarias citadas não deixam a maioria do público "preguiçoso" ouvir ou sequer conhecer.
NO DIA QUE "VENDER MUITO DISCO" E "TOCAR MUITO" E "TODO MUNDO CONHECER" FOR SINÔNIMO DE QUALIDADE EU GANHO NA SENA.

PS: Nem citei os mais antigos que já tiveram seu espaço e que por incrível que pareça o perderam para as porcarias citadas e outras mais.

Quanto à Vanusa é boa cantora, mas infelizemente para 1 música decente gravada há 20 porcarias a reboque.

11 de junho de 2009 19:53  
Anonymous Anônimo said...

Tem é muita voz maravilhosa desperdiçada em músicas ou arranjos lamentáveis. Tem que se ganhar dinheiro, né ?

11 de junho de 2009 20:07  
Anonymous Anônimo said...

Para cada "Sonhos de um palhaço" que reconheço ser muito bonita há uns 100 "Pesadelos de um ouvinte".
Queiram me desculpar mas não dá.

11 de junho de 2009 20:13  
Anonymous Anônimo said...

Preconceito ? Para mim é bom gosto.

11 de junho de 2009 20:21  
Anonymous Anônimo said...

Mano Freire dissse

Desafio qualquer ouvinte de MPB, a mostrar o lado brega de cada cantora. Todas tem isso. E as cults são piores. Há uma que fugii disso até a morte:Cássia Eller. O resto é resto mesmo.

12 de junho de 2009 14:06  
Anonymous Anônimo said...

anônimo das 19:53: PALMAS E REVERÊNCIAS.

12 de junho de 2009 20:58  
Anonymous Anônimo said...

Meu caro Mano, tirando a citação sobre Cássia do resto nada se aproveita. I'm sorry.

12 de junho de 2009 21:00  
Anonymous Anônimo said...

Fátima Guedes tem lado brega ?
Joyce tem lado brega ?
Nana tem lado brega ? (olha o preconceito contra bolero...)
Virgínia Rodrigues tem lado brega ?
Vânia Bastos tem lado brega ?
Mônica Salmaso tem lado brega ?
Diana Pequeno tem lado brega ?
Vou procurar. Se eu achar eu aviso.

PS: as que tem, tiveram e terão e PODEM: Simone, Gal, Bethânia (quando incorpora o espírito do "maninho"), Fafá de Belém e outras constelações que repito: PODEM!!!!!!!!!!!!!!!!!

13 de junho de 2009 12:57  
Anonymous Anônimo said...

Dá-lhe anônimo!

13 de junho de 2009 20:47  
Anonymous Anônimo said...

Mano Freire disse

Ai o pior é que o lado brega dessas dói mais do que os bregas que não escuto. O que me irrita é essa divisão. É igual a patética coisa da cota para negros na universidade. Arghhhgg. Essa gente topa tudo. Ex. Grande compositor Chico César,um dos melhores que surgiu depois da leva tropsicalista, volta a morar na Paraíba e aceita cargo de Secretário. Posso dizer que só escapa Chicão Buarque e o resto é farinha do mesmo saco.

13 de junho de 2009 23:24  
Anonymous Anônimo said...

Filó disse...

Anômimo, tenho até um certo orgulho de no meu habitat ter descoberto Mônica Salmaso num disco antes de sair o primeiro dela. Da sua lista aceitaria conhecer esse Sérgio Santos, Muiza Adnet; Aggeu Marques; Denise Reis; Eveline Hecker. Os outros já vi alguma coisa e não me surpreendi. Ah lembro de ter ouvido o Tadeu Franco antes dele gravar também, em um antigo Som Brasil( anos 80), da Rede Globo, quando ele cantou Itamarandiba, do Milton. Grande voz. Mas não concordo que o que se vende é bom, nem ando em shopping por isso.
Sucesso...

13 de junho de 2009 23:35  
Anonymous Anônimo said...

Prezado Filó, sou eu mesmo, o anônimo "da lista". Já ouviu Rogério Franco ? e Mayra Martins ?
e Nilson Chaves ? e Vital Lima ? e Lucinnha Bastos ? Vai fundo.
Abraços.

14 de junho de 2009 12:28  
Anonymous Anônimo said...

Filó disse

Carto anônimo, desse elenco só o Nilson Chaves e não gostei muito. É o algo que já existia. Mas toparia ouvir o resto, sou um eterno pesquisador. Posso conseguir com vc, ou baixar ....

14 de junho de 2009 20:24  
Anonymous Anônimo said...

adoraria ter amigos novos e antigos em cd
hj não curto mais, mas já gostei muito de vanusa

14 de junho de 2009 23:10  
Anonymous Anônimo said...

O anônimo das 12:57 disse tudo...existem cantoras que já são sinônimo ne MPB, as 3 citadas por mais que gravem algo duvidoso tem 100 músicas antológicas...me refiro `a Bethânia,Gal,Simone e Nana que na bagagem todas seus 40 anos de carreira.O Resto precisa chegar lá ou não chegou ainda.

15 de junho de 2009 11:25  
Anonymous Anônimo said...

Se o caso aqui é recomendar - aliás, meus parabéns ao anônimo das "belezas ocultas" ou delimitadas em suas regiões (Paulinho Pedra Azul é REI em Minas e Nilson Chaves no Norte do país) - aí vai mais um: Chico (ou Francisco) Aafa. Um ceguinho bom da porra que tem 3 maravilhosos discos lançados - difícil é achar.
Quem conhece o grande CD "Cantoria" c/ Geraldinho, Xangai, Vital Farias (outra pérola esquecida) e Elomar é só dar uma ouvidinha que ele faz uma participação especial. E QUE PARTICIPAÇÃO. RECOMENDO (mas repito: difícil é achar)

15 de junho de 2009 20:02  
Anonymous Anônimo said...

Ao anônimo anterior agradeço e ao "Mano" é só para informar que eu procurei pacas mas não achei lado nenhum na minha listinha não.
E ainda procurei em mais: Ná Ozzetti; Paulas (Santoro e Morelenbaum); Olívias (Byngton e Hime); Leny Andrade; Rosa Passos; Simone Guimarães...
Confesso que em duas vozes que amo - Jane Duboc e Selma Reis - achei um bregazinho aqui, outro ali, mas nada que desequilibre a balança a ponto de pender para o lado das Rosanas, Vanusas, Sandys, Kellys, Wanessas, Ivetes e outros lamentos.

VOU CONTINUAR PROCURANDO.

15 de junho de 2009 20:23  
Anonymous Anônimo said...

Esse anônimo não existe. ADOREI.

15 de junho de 2009 20:40  
Anonymous l. bola said...

Brega ou Chique, adoraria tem em CD dois discos de Vanusa: Atômico Platônico e Amigos Novos e Antigos.
Este segundo, obra prima.

15 de junho de 2009 23:37  
Anonymous Anônimo said...

Se é brega ou não, eu gostaria de ter todos os dicos em cd da Vanusa. Gosto da voz, do estilo, gosto de ouvi-la cantar. Queria que ela gravasse mais, e dentro da minha insignificancia me contentaria em aceitar que quem escolhe o que canta é ela mesma.

20 de junho de 2009 13:15  
Blogger Nelton said...

Vanusa tem gravações belíssimas: Basta Um Dia, Brincando Com a Vida, Espacial, Duas Manhãs, Avôhai, Canção dos Amantes, Paralelas, Lá no Pé da Serra, Congênito, Outubro, Amigos Novos e Antigos, Travessia, A Aranha, Retrato na Parede, Mercado Modelo, Sonhos de Um Palhaço, Canção do Amantes, Começando Pelo Fim, Flor e Colibri, Riacho do Navio, Como Nossos Pais... e tantos outras...
A voz dela é maravilhosa...

16 de setembro de 2009 20:15  

Postar um comentário

<< Home