4 de abril de 2009

Roupa Nova vai a Londres, mas não sai do lugar

Resenha de CD/DVD
Título: Roupa Nova
em Londres
Artista: Roupa Nova
Gravadora: Roupa
Nova Music
Cotação: * *

O grupo Roupa Nova foi a Londres gravar álbum de inéditas, mas não saiu do lugar comum que dá o tom de seu repertório habitual. A gravação de seu novo disco no lendário estúdio 2 do complexo de Abbey Road está documentada no DVD Roupa Nova em Londres, que está chegando às lojas juntamente com o CD homônimo. Este projeto intercontinental bem poderia representar salto qualitativo na discografia do sexteto, atuante já há 30 anos (primeiramente com o nome de Os Famks e, desde 1980, como Roupa Nova), mas não é o que acontece. O grupo não sai da rota habitual das canções populares e tampouco reedita a inspiração dos anos 80, sua década de maior sucesso comercial e artístico. A rala safra de inéditas oscila entre o costumeiro chororô sentimental de baladas como Alguém no teu Lugar e o pop mais festivo, exemplificado pelo tema Todas Elas, cuja letra enfileira versos-clichês sobre a natureza feminina. Sintomaticamente, a única música com real potencial para se transformar em hit radiofônico não é de autoria dos músicos do Roupa Nova. Do Outro Lado da Calçada, da lavra de Rodrigo Saldanha com o hitmaker Cláudio Rabello, é canção melodiosa bem ao gosto dos fãs do grupo. Contudo, o Roupa Nova preferiu apostar primeiramente em Reacender (Shine), faixa bilíngue que conta com a adesão da banda inglesa Ben's Brothers. Vai ser difícil!

É sintomático também que, para compor o repertório de Roupa Nova em Londres, o grupo tenha recorrido a opacos lados B de sua discografia áurea. A balada Sonho vem de Roupa Nova, bem-sucedido álbum de 1985 que emplacou hits como Seguindo no Trem Azul, Linda Demais e Dona. Lembranças - cuja bela introdução traz os vocais harmoniosos que caracterizam o Roupa Nova - foi extraída de 6/1, álbum pouco ouvido de 1996. Já Correndo Perigo - lançada em Frente & Verso (1990) - virou A Cor do Dinheiro com a nova letra que opõe de forma simplista realização afetiva e sucesso financeiro. O repertório rebobina também as quatro músicas lançadas em 2008 no EP 4U (For You): Toma Conta de mim (filmada ao ar livre para o DVD em parque da capital inglesa)) Cantar Faz Feliz o Coração (vista e ouvida no DVD em clipe gravado pelo grupo num barco sobre o mar de Londres), Chamado de Amor (também captada no parque) e Quero Você (exibida no DVD em clipe urdido com imagens de Londres e da gravação do disco em Abbey Road). Nenhuma seduz.

Enfim, Roupa Nova em Londres é trabalho feito com apuro técnico, inclusive por conta da produção de Moogie Canazio. Mais uma vez, contudo, o sexteto apresenta disco aquém de seu potencial. Pela excelência de seus vocais e pela comprovada habilidade como instrumentistas, os músicos do Roupa Nova bem poderiam ter aproveitado a viagem cara para traçar rotas mais ousadas. O único momento realmente especial deste projeto inglês é a versão de She's Leaving Home, a música lançada pelos Beatles em 1967 no histórico álbum Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band. Captado em estúdio instalado dentro de uma catedral, o registro do grupo combina seus vocais a capella com um octeto de cordas em efeito que soa impressionante no DVD quando configurado o áudio DTS 5.1. Pena que, no todo, o projeto resulte insosso pela natureza banal do repertório inédito e antigo.

38 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

O grupo Roupa Nova foi a Londres gravar álbum de inéditas, mas não saiu do lugar comum que dá o tom de seu repertório habitual. A gravação de seu novo disco no lendário estúdio 2 do complexo de Abbey Road está documentada no DVD Roupa Nova em Londres, que está chegando às lojas juntamente com o CD homônimo. Este projeto intercontinental bem poderia representar salto qualitativo na discografia do sexteto, atuante já há 30 anos (primeiramente com o nome de Os Famks e, desde 1980, como Roupa Nova), mas não é o que acontece. O grupo não sai da rota habitual das canções populares e tampouco reedita a inspiração dos anos 80, sua década de maior sucesso comercial e artístico. A rala safra de inéditas oscila entre o costumeiro chororô sentimental de baladas como Alguém no teu Lugar e o pop mais festivo, exemplificado pelo tema Todas Elas, cuja letra enfileira versos-clichês sobre a natureza feminina. Sintomaticamente, a única música com real potencial para se transformar em hit radiofônico não é de autoria dos músicos do Roupa Nova. Do Outro Lado da Calçada, da lavra de Rodrigo Saldanha com o hitmaker Cláudio Rabello, é canção melodiosa bem ao gosto dos fãs do grupo. Contudo, o Roupa Nova preferiu apostar primeiramente em Reacender (Shine), faixa bilíngue que conta com a adesão da banda inglesa Ben's Brothers. Vai ser difícil!

É sintomático também que, para compor o repertório de Roupa Nova em Londres, o grupo tenha recorrido a opacos lados B de sua discografia áurea. A balada Sonho vem de Roupa Nova, bem-sucedido álbum de 1985 que emplacou hits como Seguindo no Trem Azul, Linda Demais e Dona. Lembranças - cuja bela introdução traz os vocais harmoniosos que caracterizam o Roupa Nova - foi extraída de 6/1, álbum pouco ouvido de 1996. Já Correndo Perigo - lançada em Frente & Verso (1990) - virou A Cor do Dinheiro com a nova letra que opõe de forma simplista realização afetiva e sucesso financeiro. O repertório rebobina também as quatro músicas lançadas em 2008 no EP 4U (For You): Toma Conta de mim (filmada ao ar livre para o DVD em parque da capital inglesa)) Cantar Faz Feliz o Coração (vista e ouvida no DVD em clipe gravado pelo grupo num barco sobre o mar de Londres), Chamado de Amor (também captada no parque) e Quero Você (exibida no DVD em clipe urdido com imagens de Londres e da gravação do disco em Abbey Road). Nenhuma seduz.

Enfim, Roupa Nova em Londres é trabalho feito com apuro técnico, inclusive por conta da produção de Moogie Canazio. Mais uma vez, contudo, o sexteto apresenta disco aquém de seu potencial. Pela excelência de seus vocais e pela comprovada habilidade como instrumentistas, os músicos do Roupa Nova bem poderiam ter aproveitado a viagem cara para traçar rotas mais ousadas. O único momento realmente especial deste projeto inglês é a versão de She's Leaving Home, a música lançada pelos Beatles em 1967 no histórico álbum Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band. Captado em estúdio instalado dentro de uma catedral, o registro do grupo combina seus vocais a capella com um octeto de cordas em efeito que soa impressionante no DVD quando configurado o áudio DTS 5.1. Pena que, no todo, o projeto resulte insosso pela natureza banal do repertório inédito e antigo.

4 de abril de 2009 18:04  
Blogger Roberto said...

Se fosse a sua "queridinha" Preta Gil, iria estar resgando elogios para a "obra" dela....

5 de abril de 2009 11:10  
Blogger Dri said...

q inútil ¬¬

5 de abril de 2009 22:15  
Blogger ana helena said...

Eu achei o dvd lindo
não acho insosso e me chama muita atenção, RN pra mi é amelhor banda do Brasil

5 de abril de 2009 22:44  
Blogger Guilherme said...

Po Mauro faça críticas construtivas, antes de falar mal faça melhor né cara.

6 de abril de 2009 01:49  
Anonymous Anônimo said...

O RN chegou na fase zona de conforto.
Esse é um assunto recorrente, mas depois que o mercado foi invadido pelo pagode de coreografia e pelas duplas de gritaria que se dizem sertanejas, os artistas que faziam sucesso foram para o lugar comum para produzir hits e/ou ficaram rebobinando sucessos antigos (regravações).
Evolução de um trabalho não acontece assim.
Acho que qualquer coisa que o RN faça agora vai soar como o já visto. Mas devem ser enterrados por causa disso?
Então as duplas de gritaria deveriam ser esquecidas depois do 1º CD, porque é tudo igual.

6 de abril de 2009 11:49  
Blogger Maiara said...

Eu conheço o Roupa Nova, os caras do Roupa Nova...e vc quem é?
Dizem q é um crítico...mas acho q vc deveria procurar algo melhor pra fazer :D, ou pelo menos, algo q vc faça melhor! ^^

6 de abril de 2009 19:05  
Anonymous Thiago said...

Bom, pelo menos o Roupa Nova tem uma história pra "requentar". E você, o que tem?

7 de abril de 2009 02:27  
Anonymous Lobo ... said...

Xi ... conclamaram o fã clube no Orkut. Só pode ...

O Mauro diz " os músicos do Roupa Nova bem poderiam ter aproveitado a viagem cara para traçar rotas mais ousadas ... ". Eu digo mais. Como ficar por lá ...

I Love London

7 de abril de 2009 16:32  
Anonymous L.L said...

Eu acho o Roupa Nova uma banda espetacular... MAS EU ACHO Q ELES PODEM FAZER ALGO MELHOR.
Acho nao... Tenho certeza!
Nao gostei do dvd!
O Acustico 1 é um dvd simples... e simplismente maravilhoso.O melhor trabalho da banda na minha opinião!

Não tenho o dvd mas ja vi! E nao gostei!

Conheço bem os fãs do RN, eles nao gostam quando alguém faz uma critica negativa em relação aos trabalhos da banda...
Isso é com todos os musicos e todos os fãs uahuahuhuahua

Mas alguns exageram!
Espero q me entendam...
I love RN!

bjuh

8 de abril de 2009 15:37  
Blogger André L. said...

Musicalmente falando, eles já fizeram muito além do que várias bandinhas de moda nunca farão. São exemplos de profissionalismo, de caráter, de musicalidade. Tudo o que todo músico deveria querer ser. Prefiro eles requentando sucessos do que bandinhas emo gritando seus desejos fúteis e bundas rebolantes e cantantes.

9 de abril de 2009 12:38  
Blogger diana said...

ELES SAO TD O QUE SAO POR TEREM O TALENTO QUE TEM, JAH VC POR CAUSAR POLEMICA ENQTO DIZ UM MONTE DE ASNEIRAS...

9 de abril de 2009 17:28  
Anonymous Anônimo said...

Ahhh faça mil favor Mauro, vem falar mal do RN, vc só pode estar viajando na maionese né... aposto q seu gosto musical deve ser apurado heim, vou até arriscar um palpite, vc deve gostar da dança do quadrado??kkkkkkkkk, deve amar os gritinhos ridículos da Joelma do Calypso??? ou então vc deve gostar de rap, aquelas músicas com bastante conteudo, ahhhhh vai, se enxerga...ou então faça um comentário melhor....

10 de abril de 2009 21:04  
Anonymous Anônimo said...

O timbre de guitarra do kiko ficou matador no novo dvd, assim como os solos, a la brian may (guardadas as devidas proporçoes, é claro). Mauro, vc poderia ter ressaltado os pontos musicais positivos do dvd, ah, me esqueci, jornalista musical é músico frustrado, e não compõe músicas, assim fica fácil criticar o trabalho alheio. Não sou fã cego do roupa nova, mas sei reconhecer as várias qualidades do novo trabalho. Antes o roupa nova com excelentes músicos, do que capital inicial, engenheiros, legiao, e afins, copiando o que já ruim de fora e desafinando aos montes nos shows, com músicos mediocres e músicas idem.
Obrigado pelo espaço, mais felicidade nas críticas futuras.
Abraço!

11 de abril de 2009 03:03  
Anonymous ' Luana said...

Nando 'RN': Mauro vc sabe fazer um dó maior no violão?

Mauro: Não

hsuashaushu

Tu ainda acha que tem condições de criticar o trabalho de musicos sensacionais sem ao menos saber fazer um simples acorde?


Acho que devemos fazer critica somente a quem ou a que podemos superar.

Palavra para definir vocÊ MAURO FERREIRA


RECALQUE! {e procura aprender a fazer ao menos um dó maior antes de criticar qualquer musico ok!?} :P

11 de abril de 2009 20:29  
Anonymous Daiana said...

Bom, é Mauro o seu nome, né? Então, eu só gostaria de saber se você não tem mais nada pra fazer, além de infernizar a vida do Roupa Nova. Cara, se toca, O Roupa Nova é o ÚNICO, entendeu, ÚNICO grupo brasileiro que conseguiu atravessar tres gerações de fãs, sempre mantendo o sucesso e com a mesma formação original. Dá uma passadinha no site do livro dos recordes brasileiros pra voce se atualizar! Como disse o anonimo aqui de cima, voce deve amaaaar Joelma, Calypso, aqueles funk's podres que vulgarizam a mulher, já que voce critiou ridiculamente a música Todas Elas. Enquanto à critica feita ao estilo músical, às baladonas de amor, elas sim possuem sentimentos, elas que encantam as pessoas, por isso que o Roupa tem essa legião de fãs, ou como eles gostam de nos chamar, uma legião de AMIGO. Somos todos uma família, e não é você que vai estraga-la com uma merda de critica dessas.
Como ultimo tópico, gostaria que voce e sua critica fosse pro raio que os parta. Se você não gosta de Roupa Nova, o prblema é só seu, não fique falando coisas que você não sabe. ¬¬

11 de abril de 2009 21:41  
Blogger Jessica said...

Acho que os outros já falaram tudo. Mas talvez você precise ver as coisas por um ângulo diferente. O Roupa Nova saiu do lugar sim. Disco de ouro. Não é à toa que a banda tem quase 30 anos de carreira.

13 de abril de 2009 12:14  
Anonymous Ouvidos de tuberculoso said...

Música de qualidade nem sempre agrada quem está acostumado com "dança do quadrado", ou "banda calypso"... Roupa Nova consegue ser atual, mesmo que a opinião de alguns aculturados musicalmente digam o contrário.

15 de abril de 2009 12:45  
Anonymous Que ridiculo o que li said...

Nem acredito que li isso... totalmente sem nexo.
Todos já falaram tudo, porém quero reforçar aqui. Mauro, primeiramente aprenda alguma coisa de musica pra poder criticar. O Roupa nova é uma das melhores bandas do BRASIL ! Não tem nem o que se discutir.
Mais sorte nas suas próximas postagens, espero que escreva algo que faça mais sentido.

23 de abril de 2009 23:18  
Anonymous Anônimo said...

bem o que diizer dessa nota na net ? bem ousada diria...
RN incomoda esse é o fato !
Os "caras" estão arrebentando com um trabalho inédito e de grande categória diga-se de passagem !
O simples fato de ver uma nota dessas já é de grande valor; por que aí entendemos o quanto inveja é fogo...
Nós fãs dessa Banda maravillhosa vemos o quanto o autor dessa crítica desconheceo trabalho deles, (se é que ao menos assistiu o DVD na íntegra) informação de terceiros não vale !
beijos ! @

27 de abril de 2009 16:05  
Anonymous Anônimo said...

Maurão,
O Roupa Nova simplesmente nasceu no país errado!
Se fossem Ingleses estariam lotando casas de show “como fazem”, mas com todo apelismo da imprensa na conotação que dão há uma banda de fora. O Roupa Nova é melhor do que muita coisa estrangeira que vem ao Brasil e conquistam platéia.
Mas em um país diversificado e midiático, são poucos que despontam e se garantem. De casa 100 discos que sai no Brasil pelo menos 40 pelo menos t~em a presença dos caras. Há no mercado dominado por Fábio de Melo e Marcelo Rossi, nos remete a condição da qualidade musical dos nossos artistas. Talvez se não fosse padre Fábio de melo faria mas sucesso que muitos que ai estão. Lembrando que o que há de novo na musica brasileira nada mais é do que reeleituras dos anos 80, época incontestável da musiica Brasileira.
Foda é ainda termos de suportar a tropicalice da mídia no Brasil.
Roup nova, está acima do bem e do mal...
Já fizeram história...
www.professorpericles.blogspot.com

1 de maio de 2009 16:59  
Anonymous Simone said...

Mauro, eu amo o RN desde que meconheço por gente... e como quem ama de verdade conhece tbém os defeitos do amado, posso (EU tenho autoridade p' falar deles, sorry)dizer que até acho a música sobre as "Mulheres" e sobre "dinheiro" fraquinhas, concordo...só ñ me venha insinuar que os caras ñ fazem bonito enqto compositores, e sobretudo, ñ venha dier que eles ñ evoluem! Pro Roupa Nova sky is the limit...ao menos elogie o Moogie, a direção da Joana, nem precisa falar da "pegada" dos caras que são td de muito bom, chega de letrinhas burrinhas, ou ao contrário, intelecto de+, RN Rocks!!!

3 de maio de 2009 19:40  
Blogger Paulo said...

O ROUPA NOVA EH A MELHOR BANDA QUE O BRASIL JA VIU.

QUEM FALA MAL DESSA BANDA EH PORQUE NAO GOSTA DE MUSICA E NUNCA OS OUVIU.

O ROUPA NOVA EH UMA BANDA DEMOCRATICA, QUE NAO TEM LIDER E ISSO FAZ COM QUE O SEU SUCESSO SEJA AINDA MAIOR.

E COM ISSO MUITOS FICAM COM INVEJA E FALAM MAL DA BANDA SEM MOTIVO.

ROUPA NOVA: *A MELHOR BANDA DO BRASIL*

17 de maio de 2009 08:40  
Blogger Antonio RN said...

roupa nova, é um otimo grupo a melhor do brasil, sempre com o grupo se renovando .. eles preservaram o publico antigo, e ganharam um novo publico jovem .. um exemplo sou eu!!! :D ... aahh fale bem ou fale mal mais fale DVD RN EM LONDRES TÁÁ LINDÃÃO!! :)...

NÃO É A TOUA QUE EM UMA SEMANA JA VENDEU 25 MIL COPIAS ;) XD

6 de junho de 2009 10:57  
Blogger Amanda said...

RN é RN...vc nunca deve ter ido em um show deles....só pode ser isso!!!!

AS criticas devem ser construtivas e não depreciativas..!!Te enxerga!!!

29 de junho de 2009 19:56  
Blogger Ju said...

Olá, Mauro!
Deu "pano pra manga" sua crítica, não?!
Eu sou fã incondicional do RN há muitos anos.
Acredito que deve-se olhar por um outro prisma.
O RN tem um estilo próprio, característico. Investir no lado B de gravações antigas acho que pode ser interessante. Eles deram uma "roupa nova" para estes trabalhos, e particularmente acho que ficou muito interessante.
A pegada deles é essa, e eu adoro isso... eles sempre dão um jeitinho de ousar um pouco mais dentro do que RN já apresenta.
Acima de tudo, RN em Londres foi um projeto de realização pessoal, além de ser feito para os fãs com o maior carinho.

"...o projeto resulte insosso pela natureza banal do repertório inédito e antigo."

Não concordo e acho que essa expressão soou de forma agressiva, como muitas outras colocações que vc fez.
Nesses trinta anos de carreira da banda acredito que eles primam, acima de qualquer coisa, pela qualidade. E aí eu pergunto: Qual o problema em repetir a dose daquilo que é bom?
A maior parte dos fãs da banda, hoje, variam entre 15 a 25 anos, e conheceram o RN no Acústico I e II (que não tem 1/3 das belas canções entre todos os álbuns).
Acho que tem mais é que mostrar tudo pra essa galera mesmo... "Olha gente, vcs conhecem as mais famosas, mas dêem uma olhada no que já fizemos!"

Acredito na escolha do repertório, na qualidade do DVD e nas apostas musicais.
Está sendo um sucesso bacanérrimo e super merecido.

Entendo seu ponto de vista (e não concordo), mas entendo também que os fãs de RN se sentiram agredidos com sua crítica (me incluo).
Acho que podemos criticar qualquer coisa, não somos obrigados a partilhar da mesma opinião, mas a agressividade na expressão nunca é legal.
As pessoas acabam perdendo a razão.

Se a intenção era provocar rebuliço, meta atingida! (risos)
Mas deixo um conselho: gosto não se discute, mas respeito e comunicação, sim.

Abraço.
Ju Marinello

5 de julho de 2009 15:30  
Anonymous LUIS FERNANDO said...

ROUPA NOVA E A BNDA DO BRASIL SEM DUVIDAS

SAO 30 ANOS DE SUCESSO
EU AMO ROUPA NOVA

8 de julho de 2009 22:00  
Anonymous Anônimo said...

É MESMO!!! O RN NÃO SAIU DO LUGAR... DO LUGAR QUE CONQUISTOU NO CORAÇÃO DAS PESSOAS!!! DO LUGAR DE SUCESSO DURANTE 30 ANOS!!!E VC QUEM É ?

3 de agosto de 2009 00:36  
Anonymous Anônimo said...

Aff... muito inútil ¬¬'

Roupa Nova o melhor ♥

4 de setembro de 2009 16:54  
Blogger JesiOLIV said...

MAURO,VOCÊ DEVERIA PROCURAR OUTRA COISA MELHOR PARA PODER FALAR MAL.
ROUPA NOVA É A MELHOR BANDA DO MUNDO E RN EM LONDRES ESTÁ MUITO BOM!

4 de setembro de 2009 20:36  
Blogger Nadinha said...

Bom, eu gostei do DVD gravado em Londres, mas concordo que o Roupa Nova está mesmo muito acomodado. Regravando músicas antigas e mudando a letra, colocando as mesmas músicas do CD 4U para o CD e DVD de Londres...
Espero que quando eles fizerem um outro trabalho que seja REALMENTE de músicas inéditas.

6 de setembro de 2009 21:59  
Anonymous Músico said...

MEUS PARABÉNS MAURO!!!
Mandou muito bem nos comentários.
Sou músico a mas de 20 anos e sei do que falo. Sei construir qualquer acorde que vocês possam sonhar. Toco piano, baixo e guitarra. Sou profissional, ganho, e muito, dinheiro com a música mas não vivo dela.
Esses caras pararam no tempo. Seus arranjos medíocres e vocais sem emoção alguma já não cativam a nova e nem a maioria da antiga geração. Com tanta quilometragem adquirida em tanto tempo na estrada esses caras tem a obrigção de em cada novo trabalho lançar uma música sequer que você pare pra escutar de tão boa que é. Essa musiquinha que eles fizeram, a bi lingue, é simplesmente RIDÍCULA.
Se esses caras estivessem vivendo na europa ou nos Estados Unidos estariam em apuros ou trabalhando em canteiros de obras para empresas brasileiras.
Outro detalhe é que eles só reapareceram na mídia em virtudo do (pobre e nada inovador) cd e dvd UmPluged, coisa que bandas como Capital Inicial e Titâs fizeram e deram certo. Ah! Uma observação aqui, para quem não sabe ainda, a própria gravadora dos caras não quis lançar esse trabalho acústico porque não tinha nada de mais ou que fosse durar algum tempo que valesse a pena o trabalho dela, a gravadora.
Ouvi a regravação de wisky a go go e o arranjo de batera é simplesmente ridículo. Os caras estão tocando Wisky a go go e o cara tá tocando "CACHAÇA NÃO É AGUA NÃO". Uma vez eu mesmo passei por essa esperiência de ser criticado por alguém com muita estrada e bagagem (um música da banda CELEBRARE )pra falar em um ensaio de uma antiga banda minha. Nós apresentamos para ele UMA VERSÃO de uma música da Marina Lima, não me lembro o nome da música, mas enfim. Ele nos parou e disse assim: "Vocês não vão tocar juntos não?" E daí em diante, mais do que nunca, entendi que o menos em música é mais.
Tocar eles tocam, e muito bem, mas estão muito ultrapassados no que se diz respeito a inovar e trazer algo de novo pra esse tão falido senário musical nacional.
Salve Djavan, Lenine, Belchior and company.
Abraço Mauro.

8 de setembro de 2009 14:27  
Anonymous Anônimo said...

RIDÍCULO!!!!
ROUPA NOVA É AMELHOR BANDA E NÃO SE DESCUTI ISSO!!!!
O RESTO É INVEJA,O SUCESSO DELES INCOMODA MUITA GENTE.

8 de setembro de 2009 19:07  
Blogger Valter said...

Pois é meu querido. Se a intenção era ser polêmico com seus comentários ácidos sobre o trabalho da banda, você conseguiu mexer com a raiva da galera...rsrsr. Mas não se póde negar que o Roupa Nova é a melhor banda brasileira em seu gênero e que, apesar de ser um grande fã, concordo em partes com o que você disse. Ousar é algo que nem sempre dá o resultado esperado e o que eles fazer há 29 anos agrada totalmente seu público. Presunção do amigo jornalista esperar algo tão diferente, ou você achou que eles iriam cantar músicas do Marilin Mason?!?

10 de setembro de 2009 22:43  
Blogger Luccas said...

Nossa Mauro, otimo gosto musical. Dizer que o Roupa nova foi fazer chorôro musical?? Manda então sua amiguinha ir pra o Abbey Road gravar aquelas musicas ridiculas dela, iria morar la por um ano, pois nao conseguiria gravar de tao desafinada que é. Ou então melhor, manda ela fazer uma capela de ''She's leaving home'', ela deve conseguir. Oh Mauro, voce realmente nao sabe NADA de música, nada mesmo !

15 de janeiro de 2010 22:04  
Blogger ricoklem said...

Ridículo no comentario do Pseudo Critico , é o desconhecimento primario de que o "mar" que ele se refere como navegado pelo Roupa Nova na gravação da cançao - Cantar Faz Feliz o Coração , na verdade se trata do Rio Tamisa. Além de não entender nada de música , não estudou Geografia.

21 de março de 2010 20:18  
Anonymous Anônimo said...

Meeeeeeuuu,se toca!!!
Roupa Nova não precisa provar mais nada pra ninguém, por muitos motivos. Aliás são tantos que não vou nem começar a citar...
E como vc mesmo disse,"agrada aos fãs do grupo"...e é bem quem eles querem agradar mesmo.Porque sim,eles têm fãs,e não são poucos.Se vc não gosta,o problema é inteiramente seu.Inveja.É isso que vc sente em relação a eles,porque se não é isso, só pode ser amor e pra não confessar que gosta vc fala mal.

4 de junho de 2010 20:38  
Blogger felipe said...

Estes seus comentários não condizem de maneira alguma com o que o DVD realmente é. Primeiramente, seja mais ponderado em seus comentários e palavras, já que uma vez ditas, não têm volta. Me desculpe, mas uma banda ter um potencial para viajar ao outro lado do mundo para lançar o 3º de 4 DVDs que eles têm pelo próprio selo musical(Roupa Nova Music), e este estourar com o Grammy Latino de melhor álbum pop rock brasileiro contemporâneo, muito bem avaliados pelos críticos de verdade, ao contrário de você, que tenta ser um falando mal do que te inveja para se destacar, merecem um pouco mais de respeito. E se você acha que a faixa "Todas Elas" contém versos clichês sobre o universo feminino, faça você mesmo uma música sobre elas... Ah não, esqueci, você se diz jornalista especializado em música. Então achoa que ISSO realmente vai aquém de sua capacidade.

4 de junho de 2011 00:42  

Postar um comentário

<< Home