15 de março de 2009

Paula vai tentar alçar vôo com 'Pássaro de Fogo'

Cantora mineira cuja voz já ganhou projeção nacional através de gravações incluídas nas trilhas sonoras de novelas exibidas pela Rede Globo (caso de Dust in the Wind, propagada em 2006 em Páginas da Vida), Paula Fernandes tenta alçar vôo mais alto no mercado fonográfico com o lançamento de seu quinto álbum, Pássaro de Fogo. Produzido por Marcus Viana, o CD tem 15 faixas e chega às lojas esta semana pela gravadora Universal Music no embalo da estréia da novela Paraíso, que vai difundir a partir de segunda-feira, 16 de março de 2009, a toada Jeito de Mato, na qual Almir Sater toca viola e faz vocais. A cantora (em foto de Guto Costa) dá sua versão para Meu Eu em Você, tema autoral que forneceu para a dupla Victor & Leo, e entoa similares músicas sentimentais como Quero Sim e Vai. Já faixas como Debaixo do Cacho e Espaço Sideral - gravada com a dupla César Menotti & Fabiano - miram os bailões sertanejos e arrasta-pés que animam o vasto interior do Brasil. Paula Fernandes tem 25 anos e - além de cantora e compositora - toca violão (presente neste quinto disco).

8 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Cantora mineira cuja voz já ganhou projeção nacional através de gravações incluídas nas trilhas sonoras de novelas exibidas pela Rede Globo (caso de Dust in the Wind, propagada em 2006 em Páginas da Vida), Paula Fernandes tenta alçar vôo mais alto no mercado fonográfico com o lançamento de seu quinto álbum, Pássaro de Fogo. Produzido por Marcus Viana, o CD tem 15 faixas e chega às lojas esta semana pela gravadora Universal Music no embalo da estréia da novela Paraíso, que vai difundir a partir de segunda-feira, 16 de março de 2009, a faixa Jeito de Mato, na qual Almir Sater figura como convidado. A cantora (em foto de Guto Costa) dá sua versão para Meu Eu em Você, tema autoral que forneceu para a dupla Victor & Leo, e entoa músicas mais sentimentais como Quero Sim e Vai. Já faixas como Debaixo do Cacho e Espaço Sideral - gravada com a dupla César Menotti & Fabiano - miram os bailões sertanejos e arrasta-pés que animam o vasto interior do Brasil. Paula Fernandes tem 25 anos e - além de cantora e compositora - toca violão (presente neste quinto disco).

15 de março de 2009 16:19  
Anonymous Anônimo said...

Todas as cantoras novas agora são bonitas, né?
Eu queria ver uma cantora bem feia, um verdadeiro estrupício(hehehehe), mas com muito talento.
Será que hoje em dia ela teria chance?
A beleza está pondo a mesa pra café da manhã, almoço e jantar.

Jose Henrique

15 de março de 2009 16:26  
Anonymous Felipe dos Santos Souza said...

Ê, Zé... sempre sintonizado com os "colírios-para-os-olhos" que a música do Brasil vai despejando.

Pena que o talento para ousar, no caso de Paula, seja pouco. Tanto que já emplacou nas rádios populares... duetando com Victor & Leo, na faixa que o Mauro citou.

Bom, fazer o quê? No seu caso, Zé, é esperar o segundo CD de Céu, já no forno...

P.S.: Homem, mas eu estou com um medo desse CD dos Titãs que o Rick Bonadio está produzindo...

15 de março de 2009 17:32  
Anonymous Diogo ! said...

Conheço o trabalho de Paula e torço por seu sucesso. É interprete segura que figura com muita responsabilidade no universo sertanejo nacional. Sem falar na bela estampa da moça, claro ...

15 de março de 2009 18:25  
Anonymous Anônimo said...

E é por isso que a grande maioria é tudo vazia. Faltam-lhes TALENTO! VERDADE! Resultado? Não emplacam!
Depois ainda reclamam da Ivete Sangalo e da Cláudia Leitte.

15 de março de 2009 20:03  
Anonymous Anônimo said...

Fala, Felipe, essa mocinha é realmente uma tetéiazinha.
Cara, o cd novo da Céu é o cd que estou mais ansioso pra ouvir nos últimos anos.
Medo do novo dos Titãs?
Sou espiritualista, mas não acredito em alma penada.
Deixe disso, tenha medo, não. :>)

Um abraço
Jose Henrique

16 de março de 2009 00:35  
Anonymous Anônimo said...

Rita Ribeiro é talentosíssima....

16 de março de 2009 02:05  
Anonymous Anônimo said...

Emanuel Andrade

Mas essa morena é uma gata, Lembra-me a Diana Pequeno(que fim levou?) quando começou a cerreira. E olhe que Diana não fazia vergonha nem no canto e nem no repertório.

16 de março de 2009 12:28  

Postar um comentário

<< Home