3 de março de 2009

CD de Vander Lee, 'Faro' chega às lojas em abril

Faro é o título do sexto álbum de Vander Lee. Previsto inicialmente para chegar às lojas em março de 2009, o CD tem seu lançamento confirmado pela Deckdisc para o início de abril. No disco, Lee faz dueto com o compositor africano Lokua Kanza (em Bão), canta com Regina Souza em Baile dos Anjos, dá acento funk a um sucesso de Roberto Carlos na Jovem Guarda (Ninguém Vai Tirar Você de mim) e apresenta inéditas - dez, ao todo - como Desejo de Flor. Marcelo Sussekind pilota a produção.

29 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Faro é o título do sexto álbum de Vander Lee. Previsto inicialmente para chegar às lojas em março de 2009, o CD tem seu lançamento confirmado pela Deckdisc para o início de abril. No disco, Lee faz dueto com o compositor africano Lokua Kanza (em Bão), canta com Regina Souza em Baile dos Anjos, dá acento funk a um sucesso de Roberto Carlos na Jovem Guarda (Ninguém Vai Tirar Você de mim) e apresenta inéditas - dez, ao todo - como Desejo de Flor. Marcelo Sussekind pilota a produção.

3 de março de 2009 15:37  
Blogger Jorge Reis said...

Tomara que emplaque, tá merecendo fazer mais sucesso há algum tempo. Já plantou muito já é hora de colher. O Som do ultimo DVD, os músicos, os arranjos, estavam tudo de bom...
Sou fã, serei comedido e vou me abster de elogios para evitar os críticos ociosos.
Boa sorte Lee VC merece.

3 de março de 2009 17:18  
Anonymous OLIVEIRA said...

Como eu não tenho medo de crítico ocioso - até porque dependendo do "artista" o sou - me rasgo aqui em elogios a este baita compositor e intérprete. Talvez O MELHOR DE SUA GERAÇÃO. Eu estarei aqui "esperando novos aviões" de Vander Lee. Meu aeroporto sempre estará disponível para pouso, sem atrasos, sem mau tempo, sem "congestionamento". BENVINDO!

3 de março de 2009 17:55  
Anonymous Anônimo said...

E o cara tem humor ? Quem não conhece a parceria vocal dele com Elza Sores, onde ela diz que não é nehuma garota de ipanema e ele também não é nenhum tom jobim, é hilária, e acima de tudo despretenciosa.
O cara tem talento como um monte que mora nas Minas Gerais, além dos Skanks e Patos Fus e Jotas...
Nada contra eles... Mas o caso é que Minas tem muita coisa boa e Lee é um bom termômetro

Carioca da Piedade, que nunca foi a Belô, só no Caraça

3 de março de 2009 19:46  
Anonymous Anônimo said...

Vem pra Belô, Anônimo!

Aqui tem também Cálix, Érika Machado, Makely Ka, Alex Manzi, Transmissor, além de outros.

É só pesquisar...

Abraçu pra todos.

Souza e Souza.

3 de março de 2009 23:48  
Anonymous Anônimo said...

Gosto como compositor, mas acho o timbre de voz enjoado. Por mim mandava todas as músicas pra Gal, Bethânia, Nana, Zizi, Elza, Simone, Ney, Emílio.....

4 de março de 2009 00:30  
Blogger Histórias do Arteiro said...

Vander Lee é tudo de bom, baita compositor, adoro!!! Espero que o disco faça o sucesso merecido.

4 de março de 2009 01:48  
Anonymous Diogo ! said...

Bom compositor, cantor razoável e com discografia irregular. Tenho o " ao vivo " em que canta seus sucessos e dueta com Elza Soares.

Esses dias na tv vi Mariana Baltar cantando " Seção 32 " que é uma das minhas preferidas dele - assim como " Breu " de atmosfera roqueira.

4 de março de 2009 08:35  
Anonymous Anônimo said...

Emanuel Andrade disse

Desde a primeira vez que ouvi o Vander Lee, fiquei impressionado com suia criatividade e passei a ouví-lo. Mas ao saber de sua arrogância após os shows no ato de tratar os "fãs" e a ignorância de sua secretária, aqui em PE, fiquei estarrecido.
É fama de mineiro isso? Pelo menos não vi isso com o pessoal do 14 Bis, Lô Borges e Tunai. O mundo não gira em torno de artista não meu chapa, e pior pra quem tá no começo. A fila anda...

4 de março de 2009 11:00  
Anonymous Anônimo said...

Emanuel Andrade disse que o timne do Lee e o próprio pisa na bola com os fãs. Isso é grave.
Com a palavra sua assessoria, please.

Como disse o mineiro acima tem muita gente boa por lá, e ele nem falou de Thelmo Lins e de Renato Motha....

Carioca da Piedade, que nunca foi a Belô mas conhece alguma coisa de Minas. Por sinal, a página da Erika Martins na net é tudo de interessante. É de mulherzinha, sim. Mas de mulherzinha INTERESSANTE.

4 de março de 2009 11:28  
Anonymous Anônimo said...

Me surpreende o que diz o Emanuel acima. O Vander Lee sempre me pereceu alguém muito educado e gentil, uma pessoa sem afetação. Nunca soube de nenhuma grosseria dele, pelo contrário. Já a sua música, nunca me interessou, sempre me pareceu mediana, pouco criativa. Como cantor, para mim diz menos ainda.

4 de março de 2009 12:40  
Anonymous marta melo said...

Adorooooooooooooo Vander Lee.
Conheci em 96 NO RJ, e de lá pra cá não larguei mais do seu pé rsrsrsrsr
Sou Paraense de Santarém e por aqui as coisas são meio dificies, mais mesmo assim tenho um pouquinho de
sua obra....curto de montão!
Esperando cd novo....bjao!

4 de março de 2009 17:48  
Anonymous OLIVEIRA said...

Também não conhecia tal fama de "nojento" e "mal-educado", mas se fosse assim não haveria Maria Bethânia, Caetano Veloso ou João Gilberto. O que me interessa É MÚSICA. Ele não é candidato a político - que eu saiba - nem Gerente de Banco ou vendedor de produto de qualidade duvidosa, portanto...
Continue benvindo Vander Lee.

4 de março de 2009 18:37  
Anonymous OLIVEIRA said...

Sta. ou Sra. Marta, sou seu "parceiro" com relação a Vander Lee (como deves ter percebido se leu meus comentários), e sendo da terrinha de Nilson Chaves, Vital Lima, Lucinnha Bastos e outros belos representantes aí de cima - deves conhecer e gostar, né ? - só aumenta a admiração do "carioca" daqui de baixo.
MAS O IMPORTANTE MESMO É: se gostas e tem internet dá uma olhadinha no "site" da CD Point que - com exceção dos dois primeiros (o 1º também não tenho... buááá) - vai achar bastante coisa deste "fiscal de aeroporto" aí.
Abraços.

4 de março de 2009 19:17  
Anonymous Anônimo said...

Oliveira,

Bethânia, Caetano Veloso e João Gilberto são gênios no que se propõe.
Um amigo meu diz que gênio é bom longe.
Gosto muito do trabalho do Lee, mas ele não é gênio. É muito bom.
O que interessa é a ´música sim. Mas, vamos combinar que quem não quer receber não abre camarim. Some.
Macalé é um que volta e meia some do camarim, Chico Buarque também.
Não quer falar, nao fala. Mas, se tá na roda tem que rodar. Faz parte do negócio.
E, notadamente Bethania e João são "estranhos", mas são assim desde que o samba é samba.
O que importa é o som, a música. Mas, que boa educação com o fã, que sai de casa para ir ao espetáculo, é bom. Não quer receber, repito, não recebe. MaS, porra se recebeu tem que tirar foto e sorrir.
Tem fã que é chato pra carila. Mas, Bethânia é uma que sabe que seu fãs valem ouro e por isso ela, por contrato, tem dias off em suas temporadas. Ou seja, séu público, pobrinho tem ingresso que pode pagar.
Foi ela que inagurou o falecido Cine Show Madureira. Bicho, porque os fãs deram todo o apoio e ela retribui. João já nasceu diferente. Eu adoro sua música, mas não sei se toparia ficar com alguém que toca a mesma música zil vezes até o gato se atirar da janeial de tanto ouvir que o pato cantava alegremente (como conta a lenda).
Carioca da Piedadea, velho que nem Santos Dumont em papel moeda

4 de março de 2009 21:57  
Anonymous Anônimo said...

Que mania de achar que artista tem de terminar o show cansado, às vezes com problemas pessoais, já pensando no próximo show e ainda ter de receber, fazer coquetel, dar autógrafo para nós, chatos, que deveríamos já estar satisfeitos em ver o show e ouvir as músicas. MELHOR UM "CHEGA PRA LÁ QUE NÃO TÔ A FIM DE PAPO" SINCERO QUE SORRISOS E TAPINHAS NAS COSTAS FALSOS. A verdade é sempre melhor. Ser autêntico é qualidade. Tenho dito.

5 de março de 2009 20:19  
Anonymous Anônimo said...

Uma vez eu dei uma espiadinha aqui e estavam falando justamente sobre esse assunto de artista que não dá bola para o público, mal-educado, chato e outras acusações.
Vou repetir o mesmo comentário - e desde já parabenizo o anônimo acima. Não sou profissional mas consigo viver de barzinho. TEM PÚBLICO CHATO PRA CASSETE!!! Que não respeita o artista mesmo cantando, que acha que o artista é da família ou do círculo de amizade ou que é um provável futuro namorado ou namorada.
Galera, somos profissionais e nosso trabalho é trazer alegria através da música a quem acha que deva nos assistir. Parou por aí. Um papinho aqui, uma fotozinha ali, uma dedicatória acolá e olhe lá. Se eu, que nem famoso sou, fico às vezes de saco cheio, que dirá assédio a talentos como estes aí.
Querem atenção ? Procurem papai e mamãe, a(o) companheira(o), o(a) amiga(o) ou o padre, pastor ou "chefe" da igreja, templo ou terreiro mais próximo.
Tentem entender, como disse o anônimo acima, que nosso ofício é cantar, não ser acompanhante, psicólogo ou babá de fã carente ou desmiolado mesmo (eu já vi cada coisa e já fugi de cada "mala" que só vendo pra crer - não tenho segurança, né ?
Abraços e desculpas pela classe que me meto aqui a defender.

7 de março de 2009 19:48  
Blogger Paulo Roberto said...

Vander Lee já veio 5 vezes ao Recife, as ultimas 3 que ele veio já estava mais popular e tive o prazer de assistir os show´s
e ele recebeu em todos os shows os seus fãs, inclusive falei com ele, super simpatico e educado, no ultimo show vander lee não pode falar com todos, pq estava em turnê pelo nordeste fazendo show todos os dias daquela semana, Mesmo assim ele ainda falou com o seu fã clube.
E por fim, Vander Lee é super Educado e recebe seus fãs.
E mesmo se não recebesse é um direito que lhe cabe, ele não será o primeiro a agir de tal maneira.
E é fato q seu reconhecimento cresce absurdamente.

9 de março de 2009 13:08  
Anonymous Vipper said...

Não posso falar da pessoa Vander Lee, mesmo pq nunca me interessei. Sempre admirei o artista... E como tal, o acho fabuloso... Excelente compositor, grande interação no palco e belas canções... Das minas também: Tizumba, Titane, Pedro Moraes, Regina Souza (sua esposa), Marina Machado, Dèa Trancoso, Patrícia Amaral e tantos outros talentos...

9 de março de 2009 22:56  
Anonymous Anônimo said...

Concordo plenamente com o que Paulo Roberto escreveu sobre o poeta Vander Lee.
Falou e disse...

10 de março de 2009 01:25  
Anonymous OLIVEIRA said...

Vipper, faltou é gente nesta terra abençoada: Paulinho Pedra Azul, Tadeu Franco, Carla Villar, Cia. Mantiqueira... o espaço NÃO DÁ.

15 de março de 2009 12:48  
Anonymous Anônimo said...

Fiquei sabendo que ja esta rolando nas livrarias saraiva e cultural o novo cd "FARO" do meu cantor de cabeceira Vander Lee...Muito sucesso neste novo trabalho...vc merece!!!! estou aki na torcida.

3 de abril de 2009 10:10  
Anonymous Regina Nava said...

Acabei de ganhar o CD de um amigo, sou suspeita porque sou vanderlete desde o comeco.Acho um baita letrista, que os céus o conservem assim, e gosto dele cantando também. Nossa, fui a um show dele aqui em São Paulo, terminou supertarde, tinha gente pra burro na fila do camarim e ele recebeu todo mundo bem (fui das ultimas) e foi supergracinha, autógrafos, fotos. Só posso falar do que vi.
Além de fazer mísica bonita é torcedor do meu glorioso Galo...pra mim tá bom

3 de abril de 2009 17:56  
Anonymous Marta Melo said...

Acabei de ouvir o mais novo trabalho de Vander Lee, cd "FARO", é mais um sucesso!!!!!

10 de abril de 2009 16:15  
Blogger Jandira said...

Não conhecia Vander Lee mas fiquei apaixonada por sua voz e canções desde a primeira vez que ouvi no rádio. Posteriormente comprei um CD com suas melhores canções e passei a escutá-lo diariamente. Meus filhos de seis e nove anos também passaram a gostar e cantar quase todas as suas músicas. Pude ir ao seu último show aqui no Recife e mesmo não podendo falar com ele ao final do show (o que é natural)ganhei um autógrafo para minha filha ("Victória, Beijim procê"), que mostra para todas as colleguinhas com orgulho. Ele é fantástico!!!

16 de abril de 2009 20:23  
Blogger Cássia said...

Gosto muito do Vander Lee. Eu achei esse "Faro" o melhor trabalho até agora. Antes era aquele trabalho do mineirinho tentando do seu espaço, agora é a maturidade do cantor/compositor. Está mais moderno, sem perder sua vertente romântica.

17 de maio de 2009 11:31  
Anonymous F' said...

Faz um bom (ou seria ruim?) tempo que não escuto um CD que fosse escutável do início ao fim. Destaque pra faixa "O Baile dos Anjos", letra deliciosamente poética que conta com a participação de Regina Souza, uma voz linda, mas que nem faria falta devido à beleza da música.
Eu "conheci" Vander Lee há um bom tempo quando começou a ser tocado na MPB Fm do Rio com a música "Românticos". Não acompanhei a trajetória ao longo desses seis discos e fui surpreendido de forma muito positiva com esse último.
Quanto ao artista?
Não o conheço e creio que jamais o conhecerei.
Quanto à tal fama?
Realmente me lembra muito Chico Buarque, mas não com a fama comentada acima e sim pela letra cotidiana cuidadosa construida em "O Baile dos Anjos". Seria uma homenagem? E "Desejo De Flor"? "Djavaneou à Caetano? De fama está muito bem feito. Vou juntar meus cacos e escutar uma vez mais o disco. À primeira "vista" já me conquistou.

25 de maio de 2009 05:21  
Blogger hotelaria said...

Pessoal, eu acho que não devemos julgar os outros por apenas uma atitude que nem sabemos até que ponto é, de fato, verdade. É incrivel como essas coisas negativas ganham tantas proporções enquanto que as boas ninguém fala ou divulga. Querem ver só um exemplo? Vou contar um episódio que prova que o Vander Lee não é nada disso que vocês estão falando e quero ver se vai ter tantas proporções por parte de vocês. No sábado, dia do último show aqui em Recife o Vander Lee entrou em um restaurante aqui em Piedade para almoçar e fez questão de falar e apertar a mão de todos que lá estavam, então como podem dizer que um cara desse é mal educado?

Agora quero ver vocês divulgarem isto que é pura verdade e tenho como comprovar porque estava lá.

Valdir Roberto.

18 de agosto de 2009 17:00  
Blogger mãe Beth d´Sangò said...

Vander Lee é um oásis no meio desse deserto de tranqueiras que andam assolando nossa música.Já fui a dois shows dele aqui em sampa,tietei pra caramba, tirei fotos e mais fotos e ele foi super atencioso,carinhoso e educado."FARO" é ótimo do começo ao fim.Boa sorte,poeta Vander Lee.

23 de junho de 2010 00:15  

Postar um comentário

<< Home