12 de março de 2009

Armandinho toca pop choro em registro ao vivo

Por ser um (grande) virtuose da guitarra baiana, Armandinho - que agora inclui o sobrenome Macedo no nome artístico - é bem mais associado ao som dos trios elétricos. Entretanto, o músico sempre esteve voltado também para o choro. Em sintonia com álbuns recentes como Retocando o Choro (1999), o CD Pop Choro (capa à esquerda) chega às lojas neste mês de março de 2009 via Biscoito Fino com o registro ao vivo do show captado em 14 e 15 de dezembro de 2006 na Casa da Bossa, em Salvador (BA). O repertório cai no Forró Bachiano (Armandinho e Sivuca), propaga parceria do músico com Pepeu Gomes (Saravejo) e reverencia os mestres Ernesto Nazareth (1863 - 1934) e Jacob do Bandolim (1918 - 1969) em Um Tom pro Ernesto e Lembrando Jacob, respectivamente. De Jacob, aliás, Armandinho revive Noites Cariocas. Luiz Caldas é parceiro e convidado da faixa Bonitinho e Gostoso. Sairá em DVD.

5 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Por ser um (grande) virtuose da guitarra baiana, Armandinho - que agora inclui o sobrenome Macedo no nome artístico - é bem mais associado ao som dos trios elétricos. Entretanto, o músico sempre esteve voltado também para o choro. Em sintonia com álbuns recentes como Retocando o Choro (1999), o CD Pop Choro (capa à esquerda) chega às lojas neste mês de março de 2009 via Biscoito Fino com o registro ao vivo do show captado em 14 e 15 de dezembro de 2006 na Casa da Bossa, em Salvador (BA). O repertório cai no Forró Bachiano (Armandinho e Sivuca), propaga parceria do músico com Pepeu Gomes (Saravejo) e reverencia os mestres Ernesto Nazareth (1863 - 1934) e Jacob do Bandolim (1918 - 1969) em Um Tom pro Ernesto e Lembrando Jacob, respectivamente. De Jacob, aliás, Armandinho revive Noites Cariocas. Luiz Caldas é o parceiro e o convidado da faixa Bonitinho e Gostoso. Já à venda.

12 de março de 2009 08:34  
Anonymous Anônimo said...

Uma das maiores felicidades do Samba da Bahia foi justamente a música O ouro e a Madeira. Tudo de bom! Da interpretação magistral e escolha da música pela Beth ao maravilhoso instrumental do Armandinho. Sucesso pra ele!

Marcelo Barbosa - Brasília (DF)

12 de março de 2009 08:49  
Blogger Marcio said...

Finalmente saiu esse CD! Os fãs do grande músico Armandinho agradecemos! Para se ter uma idéia, a casa de shows onde foi feita a gravação já fechou há mais de um ano! Na mesma ocasião foi registrado material para um DVD - espero que saia logo, pois Armandinho já merece há muito tempo ter um DVD só seu. Ano que vem o Trio Elétrico de Armandinho, Dodô e Osmar fará 60 anos! Que a ocasião não passe em branco!

12 de março de 2009 18:49  
Blogger luiz said...

Viva Armandinho Macedo, grande musico e eu fiquei curioso para ver ele e Luiz Caldas juntos pois ambos são maravilhosos instrumentistas.
César

13 de março de 2009 13:16  
Anonymous OLIVEIRA said...

PQP. Ouvi o disco e "chapei". Fiz quarentinha mês passado portanto não sou suspeito nem por um lado nem por outro: parece que a idade ajuda esses grandes músicos. Armandinho está tinindo, seus dedinhos parecem teclas de computador quando tiram O SOM das cordinhas. Os jovenzinhos que me desculpem mas tá demais o "titio" aí - e olha que sou fã desde "A Cor do Som". COMPREM E COMPROVEM!

20 de março de 2009 20:27  

Postar um comentário

<< Home