15 de fevereiro de 2009

Bethânia grava parceria de Chico César e Moska

Iniciada em 2008 em Portugal com a música Unhas, a parceria de Chico César com Moska está tendo continuidade. Maria Bethânia (à esquerda numa foto de Leonardo Aversa) incluiu em seu próximo disco de inéditas, que vai chegar às lojas neste semestre via Biscoito Fino, uma outra música de Chico César com Moska, Saudade. Uma outra faixa do disco, O Que Eu Não Conheço, também referenda uma parceria estreante: a de Jorge Vercillo com J. Velloso, um dos sobrinhos da cantora. Em tempo: Adriana Calcanhotto e Vanessa da Mata também mandaram músicas inéditas para o álbum de Bethânia. E ambas as contribuições foram aproveitadas no sigiloso repertório.

20 Comments:

Blogger Mauro Ferreira said...

Iniciada em 2008 em Portugal com a música Unhas, a parceria de Chico César com Moska está tendo continuidade. Maria Bethânia (à esquerda numa foto de Leonardo Aversa) incluiu em seu próximo disco de inéditas, que vai chegar às lojas neste semestre via Biscoito Fino, uma outra música de Chico César com Moska, Da Saudade. Outra faixa do disco, O Que Eu Não Conheço, também referenda uma parceria estreante: a de Jorge Vercillo com J. Velloso, um dos sobrinhos da cantora. Em tempo: Adriana Calcanhotto e Vanessa da Mata também mandaram músicas inéditas para o álbum de Bethânia. E ambas as contribuições foram aproveitadas no sigiloso repertório.

15 de fevereiro de 2009 12:33  
Blogger Alberto de Oliveira said...

Estou ansioso por esse disco.
Mas vem coisa boa por aí, com certeza...

15 de fevereiro de 2009 12:47  
Anonymous Anônimo said...

mauro, com certeza será mais um cd antologico na carreira da excepcional cantora abelha rainha MB.

15 de fevereiro de 2009 14:35  
Anonymous Anônimo said...

Salve Adriana Calcanhoto e essa parceira César-Moska, mas está na hora da "abelha" abrir sua concha sonora a outros nomes da música como Vitor Ramil, Ana Costa, Edu Krieger, Rodrigo Maranhão, Marcelo Camelo, Marcela Biasi, Romulo Froes, Nuno Ramos, enfim tem muita gente beeeem mais interessante que Ana Carolina e Vanessa da Mata...

15 de fevereiro de 2009 15:42  
Blogger Jorge Reis said...

Não sei pra que sigilo, os compositores são os mesmos, o arranjador idem e mais uma vez teremos om disco antológico com aqueles sambinhas tocados com prato e garfo ou faca, aliás optar entre garfo e faca nos arranjos já seria uma inovação.
Esquece a casa de madame sofia,Bethania "enricou", "sofisticou", mas tá na hora de abrir a colméia e se renovar. É o que espero que aconteça, mas, por favor, ainda nesta encarnação...

15 de fevereiro de 2009 19:40  
Anonymous Anônimo said...

Bathania dia 24 na sala Pleyel em Paris. Casa lotada!!! Paris de joelhos perante a nossa ABELHA RAINHA. Salve Bethania!!!!!!!!

15 de fevereiro de 2009 20:09  
Anonymous eduardo Caffaro said...

Meu medo é eles adiarem de novo o DVD dentro do mar tem rio, por causa do CD ou CDs novos !!!
SOlta logo esse Trem, Biscoito !!!

Edu - abc

15 de fevereiro de 2009 22:14  
Anonymous Anônimo said...

Emanuel Andrade disse

Bethânia, vamos dar uma volta aos compositores vivos com mais tarimba. Se for para Calcanhoto, Ana Carolina e Vercillo voltarem com as mesmas notícias de sempre, não dá. Veja uma receita legal: Alceu, Gerlado Azevedo, Chico César(esse sim), Zeca Baleiro, Gil, Moraes, C. Buarque, Caetano, Milton, Moraes Moreira, Suely Costa, Fausto Nilo, Abel Silva, Donato, Vitor Ramil, Joyce... Com certeza esse elenco garante coisas boas e novas. Quel tudo bem dioferente do que já se fez. Olhe que eu compro, não baixo.

15 de fevereiro de 2009 23:58  
Anonymous Anônimo said...

Já era hora...depois de Maricotinha essa viagem por rios, matas, mares etc...estava demorando...cadê a Maria Bethiania de Rosa dos Ventos ou `Alibi?

16 de fevereiro de 2009 08:20  
Anonymous Anônimo said...

Mais do mesmo. Me aposentei de Bethânia!!

16 de fevereiro de 2009 10:15  
Anonymous Anônimo said...

Mais do mesmo. Me aposentei de Bethânia!! (2)

16 de fevereiro de 2009 13:38  
Anonymous Anônimo said...

Anonimo das 8:09 , não precisa exagerar. Esgotados sim, mas lembre-se a venda dos ingressos começou em outubro.E muita coisa acontece em Paris neste momento.Mas é verdade a salle pleyel é um dos melhores de Paris em acustica e um show de Bethania é sempre um acontecimento em qualquer lugar.

17 de fevereiro de 2009 09:27  
Anonymous Anônimo said...

Quem lota, lota!!!
Nao entendi... "porque a venda dos ingressos começou em outubro" isso é costume na Europa, agendar com bastante antecedência.
Mauro, será só Paris ou mais alguma cidade na Europa?

17 de fevereiro de 2009 10:00  
Anonymous Anônimo said...

Eu sonho em ver Bethânia cantando composições de novos talentos como Consuelo de Paula, Mario Gil, Tereza Cristina. Seria o máximo!!!
Luzia Abreu

17 de fevereiro de 2009 16:46  
Anonymous Tiago Ramalho said...

respondendo ao ultimo comentário que perguntam "será só Paris ou mais alguma cidade europeia?", sim LISBOAAAAA, dois concertos (27 e 28 de Fevereiro), esgotado tambem e os bilhetes começaram a ser vendidos em Janeiro (e eu vou rsrsr).
Meus amigos, Bethânia é a master, e eu como Português que sou, zelo para que Bethânia grave o que quiser, cante o que cantar, mas que nunca deixe de interpretar como só ela sabe.

17 de fevereiro de 2009 18:10  
Anonymous Anônimo said...

Anonimo das 10:00,
Reflita. Os shows sempre lotam aqui.Sempre.No caso de Bethania é mais que justificado, isso na minha opinião.
Comentei mais pelo tom ufanista da tua mensagem.Convenha "Paris de joelhos" é um pouco demais.

17 de fevereiro de 2009 18:32  
Anonymous enzo said...

A famosa Salle Pleyel em Paris tem 2 mil lugares disponiveis e a " cidade luz " tem cerca de 2 milhões e 300 mil habitantes. Aí vem o anonimo e diz que Paris estava " de joelhos perante a nossa ABELHA RAINHA " ....

Posso ?

18 de fevereiro de 2009 11:34  
Anonymous Anônimo said...

Mauro, não compreendi! Se o repertório é tão sigiloso, como você saberia dessas inclusões? É um paradoxo! Ou talvez não seja tão sigiloso assim e você possa nos adiantar mais detalhes, mas só não o faz para preservar a fonte?
Que venham mais parcerias de Moska e Chico César, dois gênios que renovam a canção brasileira, e que Bethânia, sagaz como é, não deixaria de registrar. Lenine poderia voltar à turma e compor clássicos como Relampiano, né?

18 de fevereiro de 2009 12:26  
Blogger Jorge Reis said...

No show de Paris devem estar todos loucos para ver a diluição de PIAF nos povos descalços e tupiniquim, devem estar defendendo tese de doutorado...

18 de fevereiro de 2009 19:56  
Anonymous Anônimo said...

"mais do mesmo".... Bethânia já é uma senhora que tem preguiça de ouvir "novos compositores"... Aí é mais fácil encomendar canções temáticas aos velhos (que pra ela são novíssimos)... Me parece que esse cd terá músicas inéditas que fazem reminiscências a outras músicas já consagradas... déja vu.
Mas Bethânia pode.

9 de março de 2009 23:12  

Postar um comentário

<< Home