8 de junho de 2008

Cozza recebe Maria Rita em gravação de DVD

Fabiana Cozza aproveitou a primeira das três apresentações que fez no Auditório Ibirapuera (SP) - em 30, 31 de maio e 1º de junho de 2008 - para gravar seu primeiro DVD. A gravação contou com a presença de Maria Rita, que já declarou publicamente sua admiração pelo trabalho de Cozza. As duas cantoras fizeram duetos em Malandro Sou Eu - samba de Arlindo Cruz, Franco e Sombrinha que Beth Carvalho lançou em 1985 no álbum "Das Bençãos que Virão com os Novos Amanhãs." - e em Trajetória, samba de Arlindo Cruz, Franco e Serginho Meriti que Elza Soares lançou no homônimo CD de 1997 e que Maria Rita regravaria, dez anos depois, em seu terceiro álbum, Samba Meu.
Aberto com Yaô, tema de Pixinguinha que Cozza cantou a capella, o roteiro do show foi baseado no repertório do segundo disco da cantora, Quando o Céu Clarear, lançado em 2007. Na foto acima, clicada por Rodrigo Amaral, a intérprete aparece em cena durante a apresentação de 31 de maio de 2008. Que venha o DVD!

18 Comments:

Anonymous Anônimo said...

P� Mauro... Demorou 10 dias pra dar a not�cia...

8 de junho de 2008 15:09  
Blogger Ju Oliveira said...

estava lá nesse dia... o show foi maravilhoso e as duas juntas (as duas melhores cantoras do Brasil no momento) foi sensacional...

de fato, que venha o DVD!

8 de junho de 2008 18:22  
Anonymous Anônimo said...

Cozza é a melhor cantora de samba surgida na década. Vi um show dela em BH e fiquei arrepiado.

8 de junho de 2008 19:02  
Anonymous Anônimo said...

Só pra colocar fogo nos leitores asspiduos aqui do blog, vou dizer: Ta aí a cantora que merecia ter levado o Prêmio Tim de Cantora de Samba. Assim, pq Beth não participou e Teresa Cristina eu adoro mas é melhor compositora que cantora. Agora Alcione tinha que concorrer como cantora popular, e esse ano ela perderia tmb, pq o CD da Fafá ta bom d+

8 de junho de 2008 19:04  
Anonymous Anônimo said...

FC canta direito mas tem uma empáfia que não me permite aplaudi-la. Pernóstica até a última corda vocal. Não irá longe.

8 de junho de 2008 19:37  
Anonymous Anônimo said...

Assisti um show da Fabiana Cozza e achei bom demais.Tem muita presença em cena, dá gosto de ver.Com uma convida como a Maria Rita,penso que o dvd deve estar maravilhoso.

8 de junho de 2008 21:27  
Anonymous Anônimo said...

Junho 08, 2008 7:04 PM

Amo Alcione, mas concordo com vc que deveria concorrer na canção popular. E também acho o cd de Fafá superior ao último trabalho da Marrom.

Mas, então, quem deveria ganhar era Elza Soares e não Fabiana Cozza, que também me passa algo estranho. Tem talento, isso é indiscutível, mas me passa algo estranho que não sei explicar aqui.

E não me bota fogo, não!

Amo Alcione, mas não concordo quando ela grava coisas como perdeu, perdeu e se junto a certos artsitas como Belo e Alexandre Pires, por exemplo.

Mas é dona de uma voz poderosa e se ganhou o premio Tim mais uma vez não foi injusto. Pois seus sambas são bons, apesar do cd.

Um abraço!

PS: Maria Rita que me soou estranho cantando samba. Mas teve alguns que gostei.

Glauber 97

9 de junho de 2008 00:01  
Anonymous Anônimo said...

Leo.
Sinto discordar. Não entro no mérito da empáfia, sobre isso nada posso dizer. Mas não é esse tipo de coisa que determina se alguém vai longe ou não. Há muitos artistas bem estabelecidos e consagrados que nadam de braçada na petulância e na pretensão. O que determina o sucesso é o talento (e isso inegavelmente FC tem, e de sobra), determinação (idem), e uma boa dose de sorte. Isso só o tempo dirá se ela terá. Pelo talento que tem, espero que sim.

9 de junho de 2008 08:56  
Anonymous Anônimo said...

Concordo com o anônimo das 7:04. Marrom agora é cantora popular. O CD da Fafá tmb´acho superior e discordo do Gláuber quanto ao prêmio à Elza, já que o cd pelo qual concorria não era essencialmente um CD de sambas. Acho FC excelente cantora e tmb concordo com o Léo sobre o q determina o sucesso de uma cantora. Mas vi 2 entrevistas da FC e não achei ela pretensiosa não. Pelo contrário, uma pessoa nascida na comunidade do samba paulista, mas que estudou, pesquisou e tem suas escolhas. Acho que ela vai longe. E se petulância fosse problema, Caetano não estaria onde está!!!

9 de junho de 2008 10:16  
Anonymous Anônimo said...

Mas e Bethania era essencialmente um cd de MPB?
E Elba era essencialmente um cd de regionais?

Mas pra mim cantou um bom samba como fazem Alcione e Elza já podem concorrer sim.

Um abraço

Glauber 97

9 de junho de 2008 15:18  
Anonymous Anônimo said...

Elis Regina e Maria Bethânia são as rainhas da empáfia, no entanto olha só onde chegaram.

Comentário bobo.

9 de junho de 2008 15:25  
Anonymous Anônimo said...

Fabiana bebeu da fonte "Clara Nunes". Não poderia passar desapercebida.
Salve Fabiana! Salve Clara!

9 de junho de 2008 17:07  
Anonymous Anônimo said...

Beba-me é um cd de samba sim, e dos bons. Esse prêmio sem dúvida era da Elza, até Alcione sabe disso, que vive reverenciando a Elza como a melhor cantora de samba que temos.

9 de junho de 2008 21:37  
Anonymous Anônimo said...

Fabiana bebeu da fonte de Clara Nunes? Vai ter de tomar muitos porres de Clara então, pois, essa seca não foi matada nem pelos fãs de Clara. KMS de distância na voz, carisma, repertório, limpidez, beleza etc

10 de junho de 2008 11:16  
Anonymous Anônimo said...

querer comparar fabiana com elis ou bethania é muita forçação de barra, honey...
em comum apenas o nariz empinado...

10 de junho de 2008 15:57  
Anonymous Anônimo said...

TÔ FORA!

10 de junho de 2008 17:55  
Anonymous Anônimo said...

CLARA NUNES AQUI NÃO É APENAS REFERÊNCIA...FABIANA VAI NA COLA DA (MÍSTICA) SAMBISTA. NÃO DÁ. FABIANA CANTA BEM, TEM VOZ REDONDA, MADURA, MAS NÃO TEM PERSONALIDADE E, REALMENTE, NÃO É NADA EMPÁTICA.

11 de junho de 2008 15:54  
Blogger ADEMAR AMANCIO said...

Mais uma que desconheço.

18 de setembro de 2012 13:33  

Postar um comentário

<< Home